Ouvindo...

Times

Mateus Simões cita crise de produtores de leite em MG com importações e cobra apoio do governo Lula

Vice-governador afirmou que governo federal ‘tem falhado com os agricultores’

O vice-governador de Minas Gerais, Mateus Simões (Novo), afirmou nesta segunda-feira (10) que o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem falhado com os agricultores. Ele cobrou uma solução do governo federal para as dificuldades enfrentadas por pequenos produtores de leite.

“O governo federal tem falhado com o agricultor nesses últimos meses em alguns pontos muito claros. Com relação ao leite, e isso é um drama para 100% das cidades de Minas, a falha é óbvia: estamos importando leite da Argentina e do Uruguai sem nenhuma trava e esse leite é subsidiado na origem. Isso está quebrando os pequenos produtores. O grande produtor se reorganiza, mas o pequeno produtor, dono de 10 ou 15 vacas, que tira leite para manter sua família está tendo que vender seu leite com preço abaixo do seu custo por conta da importação”, afirmou Simões.

Veja mais: PIB do agronegócio em Minas cresce 5,9% e alcança R$ 228 bilhões em 2023

Segundo ele, o governo estadual atuou para minimizar os problemas, mas que as principais soluções precisam partir do Palácio do Planalto.

“Em Minas, fizemos o que era possível, retiramos todos benefícios fiscais dos laticínios que estão importando esse leite. Mas, se o governo federal não tomar uma providência, esse problema não vai parar de aumentar”, continuou o vice-governador.

Durante o anúncio dos números do PIB do agronegócio em Minas, na sede da Federação da Agricultura do Estado de Minas Gerais (Faemg), Simões fez outras críticas ao governo Lula, citando o leilão de arroz como uma ação “horrorosa” do governo.

“Uma MP que faz com que a gente leve prejuízos bilionários no setor de carnes e grãos. E esse leilão horroroso de arroz que prejudicou os produtores do Rio Grande do Sul. Não bastasse os problemas do clima, o governo federal resolveu acabar de destruir as agriculturas. Está faltando sensibilidade, espero que o ministro Fávaro consiga reagir a esses ataques contra a produção agrícola”, disse Simões.

Resposta do Ministério da Agricultura

O ministério da Agricultura e Pecuária rebateu as falas do vice-governador e citou ações do governo federal para ajudar o setor produtivo do leite. A pasta defendeu ainda as ações para compra de arroz.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista graduado pela PUC Minas; atua como apresentador, repórter e produtor na Rádio Itatiaia em Belo Horizonte desde 2019; repórter setorista da Câmara Municipal de Belo Horizonte.
Editor de Política. Formado em Comunicação Social pela PUC Minas e em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Já escreveu para os jornais Estado de Minas, O Tempo e Folha de S. Paulo.
Leia mais