Ouvindo...

Times

Governo aguarda plano de investimentos da Petrobras para decidir sobre dividendos, afirma Haddad

Ministros Haddad, Alexandre Silveira e Rui Costa discutiram distribuição dos dividendos extraordinários da Petrobras nesta quarta-feira (3)

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou nesta quarta-feira (3) que o Governo Federal aguarda o plano de investimentos da Petrobras para decidir sobre a distribuição dos dividendos obtidos pela empresa no último trimestre do ano passado.

“A decisão sobre os dividendos é um dos desdobramentos da execução do plano de investimentos da Petrobras. Toda a questão que está para ser debatida pelo Conselho é se vai ou não faltar recursos para o plano de execução dos investimentos”, declarou após conversa com os ministros Alexandre Silveira, de Minas e Energia, e Rui Costa, da Casa Civil, nesta quarta-feira à tarde.

Leia também

Haddad pontuou que essa foi a quarta reunião entre os ministros para tratar do tema que gerou um mal-estar entre a Petrobras e o mercado no mês passado. A Petrobras perdeu R$ 55 bilhões de seu valor em março após a publicação do balanço financeiro de 2023. A diretoria do grupo optou por não pagar os dividendos extraordinários, e essa retenção mesclada ao pagamento do valor mínimo dos dividendos — 45% do fluxo de caixa livre — frustrou o mercado.

Na ocasião, para amenizar o mal-estar, Haddad e Silveira disseram publicamente que o governo não descartava a possibilidade de pagar futuramente os dividendos extraordinários aos acionistas. Agora, nesta quarta, Haddad indicou ser necessário aguardar que as informações sobre o plano de investimentos cheguem. “A gente combinou um cronograma para que essas informações cheguem quanto antes ao conselho para uma decisão final poder ser tomada”, pontuou.


Participe dos canais da Itatiaia:

Repórter de política em Brasília. Na Itatiaia desde 2021, foi chefe de reportagem do portal e produziu série especial sobre alimentação escolar financiada pela Jeduca. Antes, repórter de Cidades em O Tempo. Formada em jornalismo pela Universidade Federal de Minas Gerais.
Leia mais