Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Escolha de Lula para o TRE do Paraná libera corte para julgar cassação de Sergio Moro

Senador é alvo de ação que une denúncias do PT e do PL e que podem torná-lo inelegível por oito anos

O presidente Lula nomeou nesta quinta-feira (22) José Rodrigo Sade como juiz titular do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná. Com a nomeação publicada no Diário Oficial da União, a corte eleitoral fica completa e pode marcar agora a data do julgamento que pode levar à cassação do mandato do senador Sergio Moro (União-PR)

O mais novo magistrado escolhido por Lula constava em uma lista tríplice formada elaborada pelo Tribunal de Justiça do Paraná. Sade entra no lugar de Thiago Paiva dos Santos, que concluiu o mandato no TRE no final de janeiro deste ano.

A nomeação preenche a última vaga disponível na corte eleitoral regional - formada por sete juízes. Agora, o presidente do TRE pode marcar os julgamentos protocolados na corte, incluindo o processo que tramita contra o ex-juiz da Lava Jato, Sergio Moro.

Leia também

O senador é acusado pelo PT e pelo PL de abuso de poder econômico na pré-campanha ligada de 2022, quando se elegeu como senador pelo Paraná. As acusações são negadas pelo ex-juíz. O pedido das siglas é para que Moro tenha o mandato cassado e se torne inelegível por oito anos. Caso isso aconteça, uma nova eleição para a cadeira de senador do Paraná deve ser realizada.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Repórter da Rádio Itatiaia em Brasília atuando na cobertura política dos Três Poderes. Mineiro formado pela PUC Minas Gerais, já teve passagens como repórter e apresentador pela Rádio BandNews FM, Jornal Metro e O Tempo. Vencedor do prêmio CDL de Jornalismo em 2021 e Amagis 2022 na categoria rádio.
Leia mais