Ouvindo...

Times

Vereador e lutador, ‘Gordin da Galoucura’ vai dar aulas de boxe na Câmara de BH

Parlamentar vai comandar atividades de artes marciais duas vezes por semana em um espaço interno do poder Legislativo; ideia partiu dos servidores da Casa

Os servidores da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) vão poder aprender a lutar boxe. Isso porque, a partir desta quinta-feira (18), o vereador César Augusto Cunha Dias, o César Gordin, com carreira nos ringues de luta, vai começar a ministrar aulas da arte marcial na sede do Legislativo, na Região Hospitalar de Belo Horizonte.

Ex-presidente da Galoucura, torcida organizada do Atlético, Gordin já tem experiência como professor de boxe. À Itatiaia, ele diz que a ideia de utilizar um espaço da Câmara para as lições de boxe surgiu dos trabalhadores da Casa.

“Os benefícios das artes marciais, todo mundo sabe, são diversos — físicos e psicológicos. É a extensão de um projeto que tenho há anos”, explica

A Escola do Legislativo da Câmara de BH, voltada a ofertar cursos aos funcionários do Parlamento, se encarregou de divulgar a novidade e disparou, a vereadores e servidores, um e-mail explicando a dinâmica das aulas. Será preciso vestir roupas apropriadas para a prática esportiva e calçar luvas.

Segundo Gordin, as atividades serão abertas a todos, independentemente de gênero ou idade.

O vereador, aliás, acredita na adesão de mulheres às aulas de luta. “Espero empoderá-las na autodefesa e na autoestima. (O boxe) faz bem para a mente”.

Para Gordin, o boxe pode trazer “produtividade e harmonia” ao ambiente de trabalho. Inicialmente, as atividades foram marcadas para acontecer às terças e quintas-feiras, entre 9h e 10h, no restaurante da Câmara. O vereador, porém, quer conversar com a direção da Câmara sobre o melhor horário para fornecer as lições.

Não estou sendo remunerado (pelas aulas de boxe). Sou pago para legislar e fiscalizar a prefeitura. É um trabalho social que estou fazendo junto aos servidores. Também não estou querendo tirar o tempo de serviço”, garante.


Ex-vereador critica

César Gordin assumiu mandato na Câmara Municipal em abril deste ano. Ele substituiu Uner Augusto (PRTB), que perdeu o mandato após o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) apontar fraude à cota de gênero na chapa montada pela legenda.

Uner chegou ao Legislativo no início de 2023, para ocupar a vaga de Nikolas Ferreira (ex-filiado ao PRTB e hoje no PL), eleito deputado federal. Depois do julgamento, a cadeira que pertencia ao PRTB foi repassada ao Pros — antigo partido de Gordin e que, no início do ano, acabou incorporado ao Solidariedade

“Ele, em vez de legislar, fiscalizar e representar o povo, dá aulas de boxe nas dependências da Câmara com o nosso dinheiro”, criticou Uner.

Tem mais de 27 anos de experiência jornalística, como gestor de empresas de comunicação em Minas Gerais. Já foi editor-chefe e apresentador de alguns dos principais telejornais do Estado em emissoras como Record, Band e Alterosa, além de repórter de rede nacional. Foi editor-chefe do Jornal Metro e também trabalhou como assessor de imprensa no Senado Federal, Tribunal de Justiça de Minas Gerais e no Sesc-MG. Na Itatiaia, onde está desde abril de 2023, André é repórter multimídia e apresentador.
Graduado em Jornalismo, é repórter de Política na Itatiaia. Antes, foi repórter especial do Estado de Minas e participante do podcast de Política do Portal Uai. Tem passagem, também, pelo Superesportes.
Leia mais