Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Lula e governistas prestam condolências à Marina Silva por assassinato de sobrinho da ministra

Cauã Nascimento Silva, de 19 anos, foi alvo de três tiros em Rio Branco (AC)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e integrantes do governo federal prestaram condolências à ministra do Meio Ambiente e Mudanças do Clima, Marina Silva, pelo assassinato de Cauã Nascimento Silva, sobrinho-neto da política. O jovem, de 19 anos, foi morto a tiros na noite desta terça-feira (6), em Rio Branco (AC).

Ao anunciar a morte, em publicação no X (antigo Twitter), Marina disse que Cauã foi vítima da criminalidade que destrói a vida de jovens periféricos no Brasil. O jovem foi baleado com ao menos 3 tiros no bairro Taquari. O crime está sob investigação.

“Meus sentimentos, companheira Marina”, escreveu Lula à ministra.

“Querida Marina, que dor imensa. Meus sentimentos”, publicou Fernando Haddad, ministro da Fazenda.

“Receba meu abraço e minha solidariedade, ministra Marina. Que sua família encontre conforto neste momento de dor”, publicou Paulo Pimenta, ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social (Secom).

“Marina, receba meu abraço nesse momento difícil. Minha total solidariedade”, escreveu Jader Filho, ministro das Cidades.

Leia também

“Meus sinceros sentimentos e minha total solidariedade. A dor é irreparável, mas que a força, a fé e a esperança sejam sempre suas aliadas”, declarou Carlos Fávaro, ministro da Agricultura e Pecuária.

“Meus sentimentos, ministra. Te mando um abraço apertado. Que Deus dê forças e conforte o coração de toda a família neste momento de dor”, disse Randolfe Rodrigues (sem partido-AP), líder do governo no Congresso.

“Meus sentimentos, Marina”, publicou Sâmia Bomfim (Psol-SP), deputada federal que teve irmão executado por engano no Rio de Janeiro, em outubro de 2023.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

É jornalista formado pela Universidade de Brasília (UnB). Cearense criado na capital federal, tem passagens pelo Poder360, Metrópoles e O Globo. Em São Paulo, foi trainee de O Estado de S. Paulo, produtor do Jornal da Record, da TV Record, e repórter da Consultor Jurídico. Está na Itatiaia desde novembro de 2023.
Leia mais