Ouvindo...

Times

Celso Sabino participa nesta quarta-feira (4) de audiência sobre suspensão de pacotes da 123 milhas

O ministro do Turismo, Celso Sabino, participa, às 15h30, de audiência pública convocada pela Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados

O ministro do Turismo, Celso Sabino, confirmou presença na audiência pública, que irá ocorrer nesta quarta-feira (4), às 15h30, na Câmara dos Deputados, para discutir a decisão da agência de viagens 123 milhas de suspender a emissão de bilhetes dos pacotes promocionais com embarques previstos para este ano. A audiência, convocada pela Comissão de Turismo da Câmara, também deve contar com as presenças de representante da 123 Milhas, do Ministério Público Federal, do Procon de São Paulo, além do presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Manoel Linhares, e do Coordenador-geral de Estudos e Monitoramento da Secretaria Nacional do Consumidor, Vitor Hugo do Amaral Ferreira.

A 123 Milhas é alvo de investigação da CPI das Pirâmides Financeiras da Câmara dos Deputados. O presidente da CPI, Áureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), pediu a condução coercitiva do pai dos sócios-proprietários da 123 Milhas, José Augusto Madureira, e de outras três pessoas ligadas à empresa, para prestem esclarecimentos ao colegiado. Todos eram aguardados nesta terça-feira (3), mas faltaram ao depoimento, o que motivou o pedido de condução coercitiva à Polícia Federal. Eles devem ser ouvidos antes do dia 11 deste mês, quando a CPI irá concluir os trabalhos.

A 123 Milhas entrou no radar das autoridades depois que a empresa anunciou, em agosto, a suspensão dos pacotes promocionais, com datas flexíveis, com embarques previstos para este ano. Depois de anunciar o cancelamento dos bilhetes, a 123 Milhas promoveu demissões em massa e ingressou com pedido de recuperação judicial na Vara de Belo Horizonte. A Justiça havia autorizado o pedido de recuperação, mas a decisão foi suspensa, no mês passado, por ordem do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

Repórter da Itatiaia desde 2018. Foi correspondente no Rio de Janeiro por dois anos, e está em Brasília, na cobertura dos Três Poderes, desde setembro de 2020. É formado em Jornalismo pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso), com pós-graduação em Comunicação Eleitoral e Marketing Político.
Leia mais