Ouvindo...

Times

Fuad diz que adiamento da visita de Lula a BH não vai atrasar obras no Anel Rodoviário

Dores no quadril postergaram viagem do presidente a Minas Gerais, mas prefeitura da capital confia em publicar licitação para primeiro viaduto no mês que vem

O prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD), disse, nesta sexta-feira (22), que o adiamento da visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à cidade não prejudica o cronograma de obras previstas para o Anel Rodoviário. O petista era aguardado em BH no próximo dia 27 para assinar o convênio de construção do primeiro de oito viadutos previstos para a via.

Segundo Fuad, apesar da mudança, o poder Executivo municipal conta com a “autorização” do Palácio do Planalto para promover as intervenções. A licitação para o primeiro elevado deve ser publicada em outubro — com o início da construção prevista para o início de 2024.

“Temos a promessa, o apoio e a autorização dada pelo presidente. Não tem mais porque duvidar”, afirmou, em entrevista exclusiva à Itatiaia.

Na semana passada, o ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT-SP), esteve em BH para organizar a viagem de Lula à capital mineira. O agravamento das dores sentidas pelo presidente no quadril provocou o adiamento da visita.

“O presidente, lamentavelmente, teve esse problema de saúde e não vai poder vir no dia 27, como estava previsto, Mas isso não quer dizer que as obras não estejam aprovadas. Voltarei a Brasília no dia 26, tendo em vista a mudança (na agenda de Lula), e vou lá acertar os detalhes. Já começamos a fazer a licitação da primeira obra em outubro. Ou seja: no início do ano que vem, começamos a primeira obra de recuperação de um viaduto na BR-040”, explicou.

As intervenções no Anel Rodoviário estão relacionadas ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Para o elevado que vai partir da BR-040, o governo federal reservou R$ 62 milhões.

“Quando fomos ao Ministério dos Transportes (na semana passada), apresentamos um projeto que já está pronto, (do viaduto) da BR-040. O ministro (Renan Filho) me disse assim: ‘vou levar para o presidente Lula amanhã cedo e, se ele aprovar, está garantido’. No dia seguinte, ele me ligou cedo e falou: ‘o presidente aprovou tudo para Belo Horizonte’. Vamos fazer o primeiro (viaduto) imediatamente.”, garantiu Fuad.

O plano da Prefeitura de BH é trabalhar gradualmente em prol de cada um dos oito projetos. O entendimento é que as obras vão levar tempo e que, por isso, não é possível ter frentes paralelas de atuação.

Obras previstas para o Anel Rodoviário

1. Viaduto da BR-040 sobre o Anel Rodoviário (previsão de início em abril/24) - Novas alças viárias e implantação de novo viaduto.

2. Viaduto sobre a Av. Amazonas (previsão de início das obras em setembro/24) - Alargamento do viaduto existente, implantação de dois novos viadutos, alças e passarela.

3. Viaduto sobre a Av. Presidente Antônio Carlos (previsão de início das obras em setembro/24)- Alargamento de viaduto existente, alças e passarela.

4. Pontilhão ferroviário bairro Betânia (previsão de licitação de projeto executivo em janeiro/24) - Alargamento do viaduto existente, implantação de novo viaduto, alças e passarela.

5. Viaduto sobre a Av. Tereza Cristina (previsão de licitação de projeto executivo em janeiro/24) - Alargamento do viaduto existente, implantação de novo viaduto, alças e passarela.

6. Viaduto da Praça São Vicente (previsão de licitação de projeto executivo em janeiro/24) - Implantação de quatro novos viadutos e alças viárias.

7. Viaduto sobre a Av. Pedro II (previsão de licitação de projeto executivo em janeiro/24) - Implantação de dois novos viadutos e alças viárias.

8. Viaduto sobre a Av. Cristiano Machado (previsão de licitação de projeto executivo em janeiro/24) - Alargamento de viaduto existente e implantação de novo viaduto.

9. Nova área de escape no Anel Rodoviário - Ainda sem local definido

Eustáquio Ramos é repórter e apresentador da Itatiaia
Graduado em Jornalismo, é repórter de Política na Itatiaia. Antes, foi repórter especial do Estado de Minas e participante do podcast de Política do Portal Uai. Tem passagem, também, pelo Superesportes.
Leia mais