Ouvindo...

Times

Dino deixa governo e Lewandowski assume ministério da Justiça

Saída de Dino do governo é oficializada pelo presidente Lula; novo ministro assume tendo segurança pública como o principal desafio à frente da pasta

A exoneração de Flávio Dino e a cerimônia de posse de Ricardo Lewandowski marcam oficialmente a troca de comando no Ministério da Justiça e Segurança Pública nesta quinta-feira (01). Para o dia estão previstas duas cerimônias: a assinatura do termo de posse, que acontece no Palácio do Planalto - evento que conta com a participação do presidente Lula e outras autoridades - e a transmissão de cargo, evento previsto para a parte da tarde, no Palácio da Justiça, sede do ministério.

Para este segundo momento, a expectativa é que Lewandowski anuncie oficialmente quem serão os nomes que vão compor seu time à frente do Ministério. Alguns nomes já são conhecidos: O primeiro é de Ana Maria Neves, que será chefe de gabinete na pasta e que já acompanha Lewandowski desde os tempos do Supremo; o advogado Manoel Carlos de Almeida Neto, que deve ser o secretário-executivo do Ministério da Justiça; e o procurador-geral de Justiça de São Paulo, Mario Sarrubbo, que deve assumir a Secretaria Nacional de Segurança (Senasp).

Leia também

Antes mesmo de assumir o cargo, o futuro ministro já admitiu que o seu principal desafio na pasta será a segurança pública. “Temos um desafio, que é uma preocupação do cidadão comum, que é o desafio com a segurança. A insegurança, a criminalidade, o crime organizado, que afeta não apenas as classes mais abastadas, mas afeta também hoje o cidadão mais simples e essa é uma pauta que precisa ser enfrentada”, afirmou Lewandowski durante uma entrevista na semana passada.

O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal passou 17 anos na corte. Foi relator de diversas ações importantes e teve a atuação marcada, especialmente, no julgamento do Mensalão.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Repórter da Rádio Itatiaia em Brasília atuando na cobertura política dos Três Poderes. Mineiro formado pela PUC Minas Gerais, já teve passagens como repórter e apresentador pela Rádio BandNews FM, Jornal Metro e O Tempo. Vencedor do prêmio CDL de Jornalismo em 2021 e Amagis 2022 na categoria rádio.
Leia mais