Ouvindo...

Times

Haddad promete proposta para substituir desoneração até o fim do ano

Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, concedeu uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (24), em São Paulo

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), afirmou que o governo federal pretende apresentar até o final do ano uma proposta para substituir a desoneração da folha de pagamento. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vetou integralmente a prorrogação da desoneração para vários setores.

Durante uma entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (24), em São Paulo, o ministro foi questionado sobre a possibilidade de demissões com o fim das desonerações e respondeu dizendo que até o final do ano o governo buscará uma solução.

“Falavam em contratações quando foi feita a desoneração e também não houve. Então, vamos aguardar, temos 40 dias até o final do ano. Inclusive, a vigência da desoneração é até 31 de dezembro. Eu não estou alheio ao problema que isso pode acarretar, embora meu papel aqui não é ficar cedendo a chantagem. Tenho que ter clareza do que tenho que fazer”, afirmou Haddad.

Segundo o ministro, após o Congresso aprovar a Reforma Tributária e analisar a Medida Provisória 1185, que elimina benefícios da base de cálculo de tributos federais, o governo pretende discutir uma nova medida para o lugar das desonerações.

“Cada um tem que fazer sua parte. E nós vamos apresentar uma solução que me parece mais adequada. Nós vamos aguardar o Congresso se manifestar sobre a Reforma Tributária em caráter terminativo e sobre a 1185, que coloca fim a outra jabuti lá de 2017, que nós resolvemos enfrentar”, afirmou o ministro da Fazenda.

Editor de Política. Formado em Comunicação Social pela PUC Minas e em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Já escreveu para os jornais Estado de Minas, O Tempo e Folha de S. Paulo.
Jornalista há 15 anos, com experiência em impresso, online, rádio, TV e assessoria de comunicação. É repórter da Itatiaia em São Paulo.
Leia mais