Ouça a rádio

Compartilhe

Comissão do Senado aprova requerimento para ouvir ministro Paulo Guedes 

Parlamentares convocaram também ministro de Minas e Energia e ex-presidente da Petrobras 

Ministro da Economia Paulo Guedes

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou nesta terça-feira (21) um requerimento para ouvir o ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a alta no preço dos combustíveis. 

Também foram convidados para prestar esclarecimentos o ministro das Minas e Energia, Adolfo Sachsida e o ex-presidente da Petrobras, José Mauro Coelho - que renunciou ao cargo nesta semana. 

Ainda não há data marcada para as audiências públicas. A presença de Guedes foi sugeridas pelos senadores Alexandre Silveira (PSD-MG) e Paulo Paim (PT-RS). 

O senador mineiro criticou a situação econômica do país e afirmou que o ministro da Economia tem se mostrado insensível aos problemas do povo brasileiro. 

“A atual situação beira o caos. Não só em relação ao amento dos combustíveis. Hoje, sabemos que a cesta básica custa 55% do salário mínimo. Duas passagens de transporte urbano por dia consumem um terço do salário mínimo. Nós beiramos o caos social no Brasil. A política econômica do ministro Paulo Guedes é insensível, irresponsável, omissa e desconectada da realidade do povo. A inflação corrói o poder de compra do brasileiro”, disse Silveira. 

O senador Esperidião Amin (PP-SC) defendeu a presença de integrantes do governo na comissão, mas sugeriu que as convocações fossem convertidas em convites.

“O assunto é da maior importância. O Senado cumpre com seu dever ao convidar essas pessoas. Mas, como regra, votarei a favor de tudo o que for convite. Se a pessoa não comparecer, aí admito que se parta para situação mais constrangedora. Sugiro, em vez de convocação, que se use a expressão 'convite'”, disse o senador catarinense.


Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido