Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Você conhece o quibe de arroz? Variação do prato é sucesso no Acre

Modo de preparo do prato é semelhante ao original

Apesar da origem árabe, o quibe virou um queridinho entre os brasileiros. Nas festinhas de aniversário ou mesmo nas estufas dos botecos, o bolinho de carne preparado com trigo faz sucesso. Mas pouca gente já ouviu falar do quibe de arroz.

Pelo menos por aqui, porque, em Rio Branco, no Acre, ele é achado em qualquer bar, padaria ou lanchonete. O salgado surgiu graças a forte influência exercida pela comunidade árabe na cidade. A diferença é que, ao contrário da receita tradicional de quibe, o de arroz não leva trigo integral devido à dificuldade de encontrá-lo na região.

Leia também

O preparo do quibe de arroz se dá com o cozimento do grão, que pode ou não incluir o colorau. O arroz cozido deve, então, ser amassado ou pilado até formar uma espécie de massa.

Segue a moldagem em formato alongado, deixando um furo no meio para inserir o recheio de carne moída temperada com pimenta síria, cebola e alho. Por fim, basta fechar o bolinho, dando-lhe o formato de quibe, e fritá-lo em óleo bem quente.

Participe dos canais da Itatiaia:

Carolina Daher é jornalista, curadora do Fartura - Comidas do Brasil. Colunista da Revista Encontro, é responsável pela Encontro Gastrô, maior premiação gastronômica de Belo Horizonte. Escreve sobre cultura alimentar para CNN. Com passagens pelas revistas Veja, Playboy e Estilo vive nas Gerais e caminha pelo mundo em busca de histórias e sabores. Formada em gastronomia, é pesquisadora e cozinheira de comida boa.
Leia mais