Ouvindo...

Times

Atlético e Fortaleza duelam na Arena MRV para colar no G6 do Brasileiro

Galo e Leão do Pici se enfrentam neste domingo (23) em BH, pela 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro

Atlético e Fortaleza se enfrentam neste domingo (23), em jogo da 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. A partida começa às 18h30 (de Brasília) na Arena MRV, em Belo Horizonte.

Antes do começo da rodada, o Galo soma 13 pontos e está em 10º na tabela. O Leão do Pici, por sua vez, está em 12º com os mesmos 13 pontos do Alvinegro. Ambas as equipes podem se aproximar do G6 em caso de vitória na Arena MRV.

Leia também

Atlético segue ‘recheado’ de desfalques

Dono da casa, o Atlético segue com uma série de desfalques no Brasileirão. O principal deles é o atacante Hulk, que cumpriu suspensão na derrota contra o Vitória, mas está nos Estados Unidos para acompanhar o nascimento da filha Aisha. O camisa 7 deve voltar a campo na quarta (26), contra o Internacional.

Além de Hulk, o Galo não conta com o lateral Rubens e o volante Otávio, lesionados. Por conta da disputa da Copa América, o lateral Guilherme Arana; o meia Alan Frano; e o atacante Vargas também seguem fora do time de Gabriel Milito.

Por outro lado, o comandante tem o retorno do atacante Paulinho, que também cumpriu suspensão. Uma mudança importante na escalação pode ser a saída de Alisson, o que pode impactar na formação da defesa e do meio-campo atleticano.

Fortaleza com mudanças importantes na escalação

O Fortaleza teve uma boa notícia no último treinamento antes de enfrentar o Atlético: o volante Hércules trabalhou normalmente. Ele havia deixado o gramado da Arena Castelão, na quarta-feira (19), mancando, mas foi apenas um susto. O jogador deve ser titular em BH.

O técnico Juan Pablo Vojvoda, entretanto, tem problemas para escalar a equipe. O principal deles é o atacante Lucero, que está fora suspenso pelo acúmulo de três cartões amarelos. O argentino é o artilheiro do time na temporada, com 16 gols em 36 partidas. Ele marcou de pênalti na vitória sobre o Grêmio, na quarta (19), por 1 a 0.

Mas não é só Lucero o problema. Outros dois atacantes importantes estão no departamento médico. Marinho se recupera de um estiramento muscular na coxa direita, enquanto Moisés tem o mesmo problema, mas na perna esquerda.

O lateral-direito Dudu e o volante Matheus Rossetto também têm questões médicas, o primeiro com dores no joelho esquerdo e o segundo com um edema na coxa esquerda.

O zagueiro Brítez e o atacante Renato Kayzer, que cumpriram suspensão no meio de semana após terem sido expulsos na goleada sofrida por 5 a 0 para o Cuiabá, estarão à disposição. Os dois devem começar a partida como titulares.

Retrospecto favorável ao Galo

Atlético e Fortaleza já se enfrentaram 20 vezes na história, incluindo duelos da Série A do Brasileiro e da Copa do Brasil. No total, o Galo venceu dez vezes, contra sete vitórias do Leão e três empates.

Nos últimos cinco encontros, o Atlético venceu três vezes, além de um empate e uma vitória do Fortaleza. O encontro mais recente foi pela 31ª rodada da Série A de 2023, também na Arena MRV, quando o Alvinegro venceu por 3 a 1.

Na ocasião, Paulinho (duas vezes) e Hulk marcaram para o Galo, enquanto Lucero fez o gol do Leão. Desses, apenas o camisa 10 do Atlético estará em campo neste domingo.

Atlético x Fortaleza

Provável Atlético

Everson; Mariano (Rabello), Fuchs, Rômulo; Battaglia, Zaracho, Igor Gomes (Pedrinho), Saravia e Scarpa; Cadu e Paulinho. Técnico: Gabriel Milito.

Provável Fortaleza

João Ricardo; Tinga, Brítez, Titi e Bruno Pacheco; Zé Welison, Hércules e Pochettino; Yago Pikachu, Renato Kayzer e Breno Lopes. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Motivo: 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data e horário: domingo, 23 de junho de 2024, às 18h30 (de Brasília)
Local: Arena MRV, em Belo Horizonte

Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
VAR: Daiane Muniz (FIFA-SP)


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista formado na PUC Minas. Experiência com reportagens, apresentação e edição de texto em televisão, rádio e web. Vivência em editorias de Cidades e Esportes.
Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Repórter setorista do Atlético, na Radio Itatiaia.
Leia mais