Ouvindo...

Times

AGU abre investigação para apurar a divulgação de notícias falsas sobre a Ilha de Marajó

O advogado-geral da União, Jorge Messias, determinou neste sábado (24) a abertura de uma investigação para apurar a atuação de supostas redes de disseminação de fake news sobre a Ilha de Marajó

O advogado-geral da União, Jorge Messias, determinou neste sábado (24) a abertura de uma investigação para identificar a atuação de uma rede de disseminação de notícias falsas, as chamadas fakenews, sobre um suposto esquema de exploração sexual infantil e tráfico humano na Ilha de Marajó. O anúncio foi feito por Jorge Messias, por meio de uma publicação nas redes sociais. “Os marajoaras merecem respeito e um tratamento digno de todo o Poder Público. O Governo Federal está empenhado em apurar denúncias sérias para desarticular redes de tráfico humano e exploração sexual e infantil em todo o território nacional”, afirmou o advogado-geral da União.

O ministro dos Direitos Humanos, Silvio Almeida, endossou a decisão da Advocacia-Geral da União (AGU), e afirmou que o governo não vai permitir a difamação da Ilha de Marajó, no Pará. “Não vamos permitir a difamação de uma região por oportunistas que se valem de um grave problema nacional como o da proteção de crianças e adolescentes para alavancar interesses políticos ou financeiros”, afirmou o ministro, por meio de uma postagem nas redes sociais.

As denúncias de exploração sexual infantil e tráfico humano ganharam repercussão, na última semana, depois que a cantora gospel Aymeê tocou no assunto durante apresentação em um reality musical. As denúncias já haviam sido feitas pela senadora Damares Alves (Republicanos-DF), que foi ministra dos Direitos Humanos do governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Repórter da Itatiaia desde 2018. Foi correspondente no Rio de Janeiro por dois anos, e está em Brasília, na cobertura dos Três Poderes, desde setembro de 2020. É formado em Jornalismo pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso), com pós-graduação em Comunicação Eleitoral e Marketing Político.
Leia mais