Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Relator da indicação de Dino ao STF antecipa parecer favorável: ‘vamos ter mais de 50 votos’

O senador Weverton (PDT-MA), que é aliado do ministro Flávio Dino e vice-líder do governo Lula no Senado, anunciou nesta terça-feira (28) que fará a leitura do parecer na semana que vem

O senador Weverton,  que é vice-líder do governo Lula no Senado, anunciou nesta terça-feira (28) que fará a leitura do parecer na semana que vem

O senador Weverton, que é vice-líder do governo Lula no Senado, anunciou nesta terça-feira

Geraldo Magela/Agência Senado

O senador Weverton (PDT-MA), que é o relator da indicação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, ao Supremo Tribunal Federal (STF), já iniciou as conversas com parlamentares da base do governo para garantir o apoio ao parecer, que deve ser entregue na semana que vem. Em coletiva de imprensa concedida nesta terça-feira (28), Weverton antecipou que irá apresentar o relatório pela aprovação da indicação de Dino ao STF. “Irei apresentar o relatório falando de sua vida vitoriosa, dos plenos saberes jurídicos. Nós temos, hoje, muita tranquilidade em levar o relatório com a indicação para a aprovação do nosso sabatinado, que será no próximo dia 13 de dezembro. Deveremos, na semana que vem, fazer a leitura do relatório para dar a vista coletiva para ele. Em seguida, aguardar o prazo regimental para enfrentarmos essa sabatina na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça). Tenho certeza que, lá, ele sairá vitorioso”, declarou Weverton, que aposta em, pelo menos, 50 votos favoráveis para a ida de Dino ao STF.

O senador Weverton revelou que Dino já iniciou as conversas com senadores para angariar apoio à sua indicação ao STF. “Quem não tem simpatia por ele e não vai votar, eu respeito. Alguns que poderiam votar, e não tem declaração de voto hoje, esses você pode trabalhar porque falta apenas diálogo”, avaliou.

Os diálogos, iniciados ainda na segunda-feira (27), foram feitos com senadores dos partidos da base do governo. ”A construção é feita de baixo para cima. Então, você mapeia os seus. Você repactua, pega nas mãos, olha nos olhos. Ai você vai avançando território’, antecipou o relator.

O senador Weverton almoçou nesta terça-feira (28) com Flávio Dino. “Dei para ele algumas sugestões. Obviamente, todos que podem e conhecem a casa farão a sua parte. Tenho certeza que ele, com a experiência que tem, está fazendo essa construção. Ele precisa conversar individualmente com todos. Alguns colegas senadores não irão votar nele, mas não tem por que ele não conversar com esse colega, tem que haver essa institucionalidade e respeito mútuo de se sentar e conversar”, afirmou Weverton.

O ministro Flávio Dino foi indicado nessa segunda-feira (27), pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para ocupar a vaga aberta no STF com a aposentadoria da ministra Rosa Weber. A sabatina de Dino na Comissão de Constituição e Justiça do Senado está marcada para o dia 13 de dezembro. Para assumir o cargo de ministro do STF, Dino precisará de aval da CCJ e do plenário do Senado.

Repórter da Itatiaia desde 2018. Foi correspondente no Rio de Janeiro por dois anos, e está em Brasília, na cobertura dos Três Poderes, desde setembro de 2020. É formado em Jornalismo pela FACHA (Faculdades Integradas Hélio Alonso), com pós-graduação em Comunicação Eleitoral e Marketing Político.
Leia mais