Ouça a rádio

Compartilhe

Conversa de Redação: com lentidão no Brasil, atingidos de Mariana vencem recurso contra BHP no Reino Unido

Morosidade no Brasil levou atingidos a processar gigante do setor no Reino Unido 

Desastre em 2015 ainda teve solução na Justiça brasileira

O Tribunal de Apelação em Londres aceitou o recurso movido na Inglaterra por atingidos pelo rompimento da barragem da Samarco, em Mariana, contra a mineradora BHP Billiton. A decisão foi publicada na manhã desta sexta-feira (8). Agora, a Justiça inglesa vai julgar o mérito do pedido de indenização pelos danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão, que ocorreu em 2015. Os atingidos pedem cerca de R$ 31 bilhões em indenização.

No Conversa de Redação desta sexta-feira (8), Júnior Moreira, Edilene Lopes, Rita Mundim, Malco Camargos e Ricardo Kertzman debatem a lentidão da Justiça brasileira. Acompanhe pelo youtube da Itatiaia:

A Fundação Renova emitiu um comunicado sobre o caso. Leia a nota na íntegra:

"A reparação conduzida pela Fundação Renova se encontra em um momento de avanços consistentes nos programas que tiveram definição clara pelo sistema de governança participativo. Até maio, mais de 376 mil pessoas foram indenizadas ou receberam auxílios financeiros emergenciais, totalizando R$ 9,87 bilhões pagos a atingidos do Espírito Santo e de Minas Gerais.

No reassentamento de Bento Rodrigues, 47 casas foram concluídas e 103 estão em construção. Em Paracatu de Baixo, 36 tiveram as obras iniciadas. Foi concluída a implantação da restauração florestal em áreas onde houve depósito de rejeitos. Uma área equivalente a 16 mil campos de futebol será reflorestada em terrenos não impactados por meio de editais de reflorestamento em Minas Gerais e no Espírito Santo.

A água do rio Doce se encontra em condições similares às anteriores ao rompimento e pode ser consumida após tratamento. Também foi concluído o repasse de R$ 830 milhões para os estados do Espírito Santo e de Minas Gerais e 38 municípios para investimentos em educação, infraestrutura e saúde. Cerca de R$ 21,8 bilhões foram desembolsados nas ações socioambientais e socioeconômicas."

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store