Ouça a rádio

Compartilhe

Procura por testes de covid cresce 44% em uma semana em Belo Horizonte

Taxa de positividade também subiu de 23% para 30% no período

O aumento da procura por testes de Covid-19 em Belo Horizonte indica novo avanço da doença na capital mineira. Dois dos maiores laboratórios do Estado confirmam à Itatiaia o crescimento de casos. 

Médico recomenda retorno do uso de máscaras em BH

No Hermes Pardini, a procura por testes cresceu 44% em uma semana. Já a taxa de positividade de todos os testes feitos subiu de 23% para 30% comparando a última semana com a anterior. 

A infectologista do laboratório, Melissa Valentini, alerta que circulam subvariantes da ômicron e da ômega e que é preciso completar a vacinação. 

"São mutações diferentes, muito provavelmente mais transmissíveis. É o que acontece com a evolução de um vírus, ele se torna mais leve mas mais infeccioso. Além do aumento de 9% de positividade nos testes em uma semana, é importante que a gente analise as internações e quadro graves. Lembrar também que as pessoas precisam tomar a terceira dose, e as que já estão autorizadas, a quarta dose"

Menos cuidados

No laboratório Lustosa, o aumento da procura foi de 46% em uma semana, e com taxa de positividade dobrando a cada 15 dias, segundo o diretor técnico Adriano Basques. Para ele, a população deixou de se cuidar.

"Em março, a população experimentou uma estabilidade epidemiológica que levou a uma falsa sensação de segurança. Isso levou as pessoas a afrouxarem os cuidados", afirma.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido