Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Servidores da Abin são presos por suspeita de rastreamento ilegal de celulares no governo Bolsonaro

Operação também afastou cinco servidores das funções na Agência Brasileira de Inteligência

Dois servidores da Abin (Agência Brasileira de Inteligência) foram presos nesta sexta-feira (20) em operação da Polícia Federal. Outros cinco foram afastados das funções.

Segundo a PF, os servidores teriam usado um programa espião para monitorar adversários do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), advogados, juízes e jornalistas durante a gestão de Alexandre Ramagem na Abin. Hoje, Ramagem é deputado pelo PL.

O programa usado é o FirstMile, ferramenta israelense usada entre 2018 e 2021, durante o governo Bolsonaro, notadamente durante a pré-campanha eleitoral. As informações são da CNN.

Em nota, a Abin afirma “o contrato 567/2018, de caráter sigiloso, teve início em 26 de dezembro de 2018 e foi encerrado em 8 de maio de 2021.”

O uso do programa espião de forma irregular foi revelado em março pelo jornal O Globo, o que motivou a abertura de inquérito na Diretoria de Inteligência da PF. A investigação identificou 33 mil acessos da localização de ‘alvos’.

A operação da PF foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes e faz parte do inquérito das fake news. São dois mandados de prisão e 25 de busca e apreensão no Distrito Federal, em São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Goiás.

Programa espião

Cerca de 10 mil proprietários de celulares, por ano, podem ter sido monitorados sem a autorização judicial, segundo a Polícia Federal.

O programa permitia que fosse rastreado o paradeiro de alguém com os dados que eram transferidos do celular para torres de telecomunicações instaladas em diferentes regiões.

Conforme as investigações, os dois servidores da Abin chegaram a usar o conhecimento sobre o programa espião para evitar demissoes em processos disciplinares.

A Abin ainda não se pronunciou sobre a operação.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais