Ouvindo...

Times

Vídeo: maior avião de cargas do mundo pousa no Brasil para missão especial; entenda

O avião possui 69 metros de comprimento e apesar do tamanho impressionante, o AN-124 aterrissou vazio em Campinas

O maior avião de transporte de cargas do mundo, o Antonov AN-124, causou alvoroço ao pousar no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), nesse sábado (15).

Operada pela ucraniana Antonov Airlines, a aeronave gigante decolou do Aeroporto Internacional Malpensa, em Milão, Itália, conforme indicaram as plataformas de rastreamento de voos online. Durante a jornada, o Antonov fez uma escala na Ilha do Sal, em Cabo Verde, antes de finalmente tocar o solo brasileiro às 11h45.

Apesar do tamanho impressionante, o AN-124 aterrissou vazio em Campinas. Sua missão? Carregar uma peça de uma indústria metalúrgica do Paraná. O equipamento será transportado até o Chile.

O pouso do Antonov AN-124 em Viracopos atraiu olhares curiosos ea atenção de entusiastas da aviação. As redes sociais logo se encheram de comentários e fotos do pouso. Um internauta brincou: “O Antonov é tão grande que parece que o aeroporto é que estacionou nele!” Outro comentou: “Não é todo dia que vemos um dinossauro desses pousando aqui”. As informações são do g1.

O avião possui 69 metros de comprimento, equivalente ao lado menor de um campo de futebol onde ficam as traves, e cerca de 21 metros de altura, o que corresponde a um prédio de seis andares.

Equipado com três trens de pouso e 24 rodas para suportar seu peso máximo de decolagem, o Antonov Ruslan requer uma pista de decolagem “código 4", com mais de 1.800 metros de comprimento. Apesar disso, pode pousar em pistas com apenas 1.000 metros, uma proeza conhecida entre os aviadores como “pouso curto”.

O cargueiro possui capacidade para transportar até 150 toneladas, o que daria 10 ônibus padrão. O recorde de carga transportada foi de 135 toneladas em 1993, quando transportou um gerador elétrico da Siemens da Alemanha para a Índia.

Atualmente, o Antonov Ruslan é utilizado principalmente para transportar maquinaria e produtos de mineração. No entanto, foi originalmente projetado para o transporte de tanques, tropas, lançadores de mísseis e outros materiais militares.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), já trabalhou na Record TV e na Rede Minas. Atualmente é repórter multimídia e apresenta o ‘Tá Sabendo’ no Instagram da Itatiaia.
Formado em jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), já trabalhou com assessoria de imprensa no Conselho Regional de Psicologia. Atualmente faz parte da equipe de redes sociais da Itatiaia. Atento às novidades, Marcello é um entusiasta das tecnologias e apaixonado por redes sociais.
Leia mais