Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

BYD tem lucro por carro menor que a Tesla, mas vende mais; entenda

Segundo a Late Finance, a BYD recebe cerca de 9 mil yuans, o que equivale a R$ 6.200, enquanto a Tesla recebe 56 mil yuans, cerca de R$ 40 mil

Apesar de ter ultrapassado a Tesla e se tornado a fabricante de veículos elétricos mais vendidos do mundo, segundo a Forbes, a empresa chinesa BYD continua lucrando bem menos do que a principal concorrente.

Segundo a Late Finance, a BYD recebe cerca de 9 mil yuans, o que equivale a R$ 6.200, enquanto a Tesla recebe 56 mil yuans, cerca de R$ 40 mil. Esses valores são líquidos e por unidade.

Leia também

Ao contrário da concorrente, a estratégia da BYD é vender um grande volume de carros, mesmo que baratos. Em 2023, o lucro da empresa foi de 4,2 bilhões de dólares (R$ 21,75 bilhões, na cotação atual) devido à popularização dos caros.

A marca chinesa tem investido em carros elétricos mais acessíveis, como o Dolphin, que já é o carro elétrico mais vendido do Brasil. A Tesla, no entanto, não tem tantos carros acessíveis. A empresa de Elon Musk pode até faturar mais por carro, mas vende bem menos que a concorrente chinesa.


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais