Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Em cinco sets, Praia Clube supera Sesi Bauru e avança na Superliga Feminina

Time mineiro venceu equipe paulista por 3 sets a 2 na noite desta terça-feira (2)

O Praia Clube segue vivo para defender o título da Superliga Feminina de Vôlei. A equipe de Uberlândia superou o Sesi Bauru, na noite desta terça-feira (2), na Arena Dentil, em Uberlândia, por 3 sets a 2 (25/17, 25/16, 21/25, 24/26 e 15/12) e se garantiu na semifinal da competição. Agora, a equipe mineira enfrenta o Flamengo, em nova série melhor de três, em busca de um lugar na final.

O Troféu Viva Vôlei ficou com a central Adenízia, do Praia Clube. A oposta Sofya Kuznetsova foi a maior pontuadora do jogo com 27 pontos.

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) definiu, nessa segunda-feira (1º), as datas das semifinais da Superliga Feminina. De acordo com o calendário, as semifinais serão disputadas nos dias 8, 12 e 15 de abril, e os horários ainda serão estabelecidos pela entidade.

A outra semifinal da competição será disputada entre Gerdau Minas e Osasco. A grande final da Superliga Feminina está marcada para o dia 21 de abril. O título será definido em jogo único, no ginásio Geraldão, em Recife.

Leia também

O jogo

O Praia Clube foi dominante no primeiro set. A equipe de Uberlândia liderou o placar por todo o tempo. A diferença ao longo do set chegou a ser de 10 pontos a favor do time mineiro. Com ataque eficiente e bom nível de recepção, a equipe fechou o set em 25x17.

O segundo set seguiu o mesmo roteiro da parcial anterior. O Praia seguiu no comando das ações do jogo e liderou o placar desde o começo. O Bauru ameaçou encostar, marcou pontos seguidos e deixou a contagem em 18 a 14. Paulo Coco parou o jogo, e o Praia retomou o foco. A equipe voltou no mesmo ritmo do início do jogo e finalizou o set em 25x16.

A terceira parcial foi mais equilibrada. As equipes disputaram ponto a ponto até o 9 a 9. A partir disso, o Bauru tomou a frente do placar. Errando menos e contando com bom aproveitamento da ponteira Edinara, o time chegou a abrir 15 a 10. O Praia reagiu e diminuiu a vantagem para 15 a 13, o que obrigou o técnico do Sesi a parar o jogo.

A equipe do interior paulista não se intimidou e voltou com o mesmo volume de jogo, com boas recepções e alto aproveitamento de contra-ataques. O time abriu 21 a 17 e fechou em 25 a 21.

O quarto set foi alternado e tenso. O Bauru abriu vantagem no começo, mas o Praia Clube conseguiu reagir e virou o jogo em 12 a 9. O Bauru retomou a concentração e empatou o jogo em 13 pontos. A equipe paulista seguiu com mais ritmo e fez 17 a 15. Os dois potntos de vantagem resistiram até ao empate do Praia em 19.

O bloqueio do Praia voltou a funcionar e a oposta Sofya Kuznetsova apareceu. A equipe de Uberlândia fez 22 a 20, mas não conseguiu fechar o set. O Bauru retomou o controle e fechou em 26 a 24.

O quinto set seguiu o caminho do equilíbrio, com os times trocando pontos. A primeira liderança foi do Praia Clube, com 6 a 4. Com três bloqueios consecutivos, a equipe abriu 10 a 5. O time manteve a vantagem até o fim e encerrou em 15 a 12.

Participe dos canais da Itatiaia Esporte:

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais