Ouvindo...

Times

Palmeiras não libera Estêvão e mais dois atletas para Seleção Brasileira Sub-20

Clube conta com jogadores para disputa da Série A do Campeonato Brasileiro e quer mantê-los nos treinamentos

O Palmeiras decidiu, nesta segunda-feira (20), que não deseja liberar o zagueiro Vitor Reis, o meia Luis Guilherme e o atacante Estêvão para o período de treinamentos da Seleção Brasileira Sub-20. O trio foi anunciado com mais 20 jogadores na lista do técnico Ramon Menezes, divulgada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na última sexta (17).

A Itatiaia apurou que, para o clube, não faria sentido liberar jogadores que já integram o elenco principal do Palmeiras para um período de treinos com a seleção de base. Além disso, o Palmeiras prevê a convocação de até quatro jogadores para a Copa América.

Com essa grande lista de desfalques, o clube acionou a CBF para informar da decisão, acreditando não ser razoável perder tantos jogadores e prejudicar a preparação da equipe para o Campeonato Brasileiro, que não será paralisado.

A equipe sub-20 do Brasil se reunirá entre os dias 3 e 11 de junho, na Granja Comary, no Rio de Janeiro, como uma etapa para preparação do Sul-Americano da categoria, que acontecerá em janeiro de 2025, no Peru.

O período coincide com a preparação para a Copa América, que acontecerá nos Estados Unidos entre os dias 20 de junho e 14 de julho.

Nesse momento, o técnico Abel Ferreira, inclusive, prevê uma reformulação no Palmeiras diante da iminência de ter atletas convocados e diz ter um plano em ação.

Nele, além de Estêvão e Luis Guilherme, que já são acionados com frequência, está a ideia de promover a estreia do zagueiro Vitor Reis, considerado uma das novas promessas do clube.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Brenno Costa é jornalista multimídia formado pela Universidade Católica de Pernambuco e pós-graduado em comunicação e marketing pela Estácio. Atualmente, é correspondente da Itatiaia em São Paulo. Antes, trabalhou na Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco/Superesportes e no Globo Esporte.
Leia mais