Ouça a rádio

Compartilhe

Torcedora do Cruzeiro é morta pelo ex-namorado e rapaz se mata em seguida, em Varginha

Homem foi até o local de trabalho da ex-companheira quando ela estava sozinha

Thayná Fabri foi morta pelo ex-namorado nessa segunda (30), no Sul de Minas

Um homem, identificado como Paulo César Gomes Júnior, de 28 anos, executou a ex-namorada, Thayná Fabri Leão, de 24, a tiros e depois se matou nessa segunda-feira (30), em Varginha, no Sul de Minas.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o rapaz foi ao local de trabalho dela no momento em que a jovem estava sozinha. 

Segundo os militares, uma amiga de Thayná relatou que chegou na empresa após o almoço e escutou gritos da mulher, além da voz dele e barulhos de tiros.

Equipes do Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados para socorrer as vítimas, mas elas não resistiram aos ferimentos.

Horas antes, Paulo havia publicado um texto na rede social que tiraria a própria vida, pois estava com ‘ódio’. Contudo, na publicação, o jovem não disse que mataria a ex-namorada. 

Paixão pelo futebol

Apaixonada pelo Cruzeiro, Thayná Fabri era integrante da "Nação Azul de Varginha (NAV)". Nas redes sociais, a torcida organizada publicou uma imagem e uma mensagem de despedida para a mulher.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido