Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Carnaval Rio 2024: prefeitura vai usar eucalipto para ‘neutralizar’ cheiro de xixi

A Comlurb anunciou que vai usar 2 mil litros de essência de eucalipto concentrada para neutralizar o cheiro de xixi após a lavagem das ruas

Rio de Janeiro, Carnaval 2024, Comlurb

A essência de eucalipto vai deixar os pontos de passagem dos blocos de Carnaval com um cheiro agradável, após a lavagem das ruas

Comlurb/ Ascom

A Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb), da cidade do Rio de Janeiro, anunciou que vai usar 2 mil litros de essência de eucalipto concentrada para neutralizar o cheiro de xixi nas ruas durante o Carnaval de 2024.

A essência é um aromatizante à base de óleo essencial de eucalipto, que é extraído das folhas da árvore.

O produto é conhecido por seu aroma fresco e revigorante, muitas vezes associado a propriedades purificantes.

A fragrância do eucalipto é geralmente encontrada em ambientes de sauna por provocar uma “sensação de clareza” nas vias respiratórias - funcionando como uma espécie descongestionante nasal.

No ano passado, a Prefeitura do Rio de Janeiro destinou 800 litros para o serviço durante o Carnaval. A essência também foi usada durante o réveillon de 2023.

A Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro) anunciou que a “Cidade Maravilhosa” vai sediar 453 desfiles no Carnaval este ano, sendo que dez deles são megablocos - com previsão de pelo menos 100 mil foliões em cada.

A expectativa de público total é de 5 milhões de foliões curtindo os blocos de rua do Rio de Janeiro em 2024, de acordo com o presidente da Riotur, Ronnie Costa.

Os trabalhos da Comlurb começaram no último sábado (13/1), primeiro fim de semana com o desfile dos blocos oficiais.

“Cheirinho agradável”

A essência de eucalipto vai deixar os pontos de passagem dos blocos de Carnaval com um “cheirinho agradável”, após a lavagem das ruas com água de reuso - informou a Comlurb.

Serão disponibilizados até mil contêineres de 240 litros e até 700 caixas metálicas de 1.200 litros por dia, nas áreas de concentração dos blocos, para tentar “neutralizar” o cheiro de xixi.

A Comlurb informa que os 2 mil litros de essência de eucalipto foi doado pela Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro.

A Riotur adverte que quem for flagrado urinando em via pública pela fiscalização receberá uma multa no valor de R$ 773,65, de acordo com artigo 103 A, da Lei de Limpeza Urbana.

A Seop (Secretaria Municipal de Ordem Pública do Rio de Janeiro) e a Guarda Municipal vão empregar três mil agentes para atuarem no ordenamento dos blocos de rua do Carnaval de 2024.

Mega operação

A Comlurb preparou uma megaoperação de limpeza para a passagem dos blocos de rua por todas as regiões da cidade durante o Carnaval 2024.

O método aplicado “não vai deixar nada para trás”, segundo a Companhia da Prefeitura do RJ.

A limpeza funciona no modo arrastão: abrangente, visando remover todas as impurezas, mesmo as mais difíceis de alcançar.

A manutenção é realizada antes, durante e após a passagem de cada bloco.

A empresa vai colocar nas ruas um efetivo de 2.450 garis nos dias com o maior número de blocos nas ruas.

Em relação a veículos, estarão em operação até 57 caminhões compactadores, 16 basculantes, oito varredeiras de grande porte e 18 pipas d'água e 19 vans lava jato para lavagem das vias com água de reuso.

A Comlurb vai utilizar diariamente até 90 sopradores, 40 pulverizadores costais e 18 varredeiras de médio porte.

A Companhia anunciou que estará presente em todos os blocos de rua, garantindo a limpeza dos espaços públicos para que os foliões se “divirtam com tranquilidade”.

A Riotur adverte que quem for pego jogando pequenos resíduos nas ruas - como latas de bebidas, copos e garrafas descartáveis, guimbas de cigarro e pequenas embalagens de lanches - será multado no valor de R$ 282,38, de acordo com o Art. 82, da Lei de Limpeza Urbana.

Superblocos

A Comlurb trabalha com um protocolo operacional para os desfiles, de acordo com a expectativa de frequentadores dos blocos.

Os superblocos, com público estimado acima de 500 mil pessoas, contam com a presença de cerca de 300 garis e a colocação de 600 contêineres para o descarte dos resíduos.

Para blocos especiais, com público estimado acima de 80 mil pessoas, serão cerca de 40 garis e instalados 250 contêineres.

Nos blocos menores do Rio de Janeiro, serão distribuídos entre 10 a 30 garis e de 10 a 50 contêineres.

O trabalho das equipes operacionais da Comlurb é realizado nas vias principais em que os blocos desfilam e em todo o entorno.

Formado em Jornalismo pela UFMG, com passagens pelo jornal Estado de Minas/Portal Uai e produção de vídeos para a Labe Tecnologia. Hoje, é repórter multimída da Itatiaia na área de Tendências Digitais.
Leia mais