Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Quaresma: tempo de reflexão e sacrifício para os católicos

Durante o período quaresmal, os fiéis são convidados a observar três práticas principais: oração, jejum e caridade


O período de Quaresma é dedicado à reflexão, penitência e preparação espiritual para a celebração da morte e ressurreição de Cristo na Páscoa. Embora muitas pessoas associem a Quaresma apenas ao jejum de carne, ela vai além, envolvendo práticas como a oração e a caridade.

O Padre Fernando, que atua em Ipatinga, reflete sobre a origem e importância da Quaresma para a comunidade católica.

“A reflexão que nos remete aos 40 dias em que Jesus fez o seu retiro no deserto, sendo tentado pelo demônio. Assim, iniciou a Quaresma, a igreja fazendo memória destes dois grandes acontecimentos. E é claro, como uma grande preparação para a maior festa cristã, que é a festa da Páscoa”, afirma.

Durante o período quaresmal, os fiéis são convidados a observar três práticas principais: oração, jejum e caridade. A oração fortalece a conexão espiritual com Deus, o jejum simboliza o controle sobre as necessidades materiais e a caridade expressa a compaixão pelos necessitados.

“E a Quaresma é um convite a todos nós, a penitência, a oração, a prática do jejum, a prática da esmola, da caridade. Exercícios que nós iniciamos nesse tempo, a oração, o jejum e a esmola, a caridade. O último Domingo de Solenidade é o Domingo de Ramos, que marca o começo da Semana Santa e representa a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém, após o retiro no deserto”, completa o sacerdote.

Na Quinta-feira Santa, o ciclo da Quaresma chega ao fim com a missa da ceia do Senhor, que neste ano ocorrerá em 28 de Março. Esse momento é crucial, pois antecede os eventos da paixão e morte de Cristo, preparando os fiéis para a celebração da Páscoa no domingo seguinte.

Leia também

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Leia mais