Ouvindo...

Times

Após ‘barrar’ Carol Gattaz, Julia Kudiess revela conversa com central: ‘Espelho’

Titular na conquista da Superliga, central, de 21 anos, deixou a experiente Carol Gattaz, de 42, no banco de reservas

Titular absoluta pela primeira vez na carreira, a jovem central Julia Kudiess, de 21 anos, “desbancou” a experiente Carol Gattaz, de 42, e foi uma das principais peças na conquista do título da Superliga Feminina.

Neste domingo (21), na decisão contra o Praia, Julia Kudiess marcou 12 pontos e foi muito importante para o time de Nicola Negro. Com atuação brilhante de Yonkaira Peña, a equipe de Belo Horizonte venceu o clube de Uberlândia por 3 sets a 1, no Geraldão, em Recife.

Após o jogo, Kudiess ressaltou a sua inspiração em Carol Gattaz na carreira e revelou ter recebido muitas dicas da ídola.

“Eu estou muito feliz, porque assumi a responsabilidade de ficar no lugar da Carol Gattaz. Eu falei com ela que, se não fosse por ela, não saberia bater uma china tão bem. Eu me espelhei nela. Estou super feliz com a nossa vitória. Agora é comemorar, porque a nossa temporada foi muito difícil”, disse à TV Globo.

‘Substituta’ está pronta

Segundo Carol Gattaz, em entrevista à Itatiaia, Julia Kudiess mereceu a titularidade durante a temporada e demonstrou ter aprendido muito também com Thaisa.

“A Julia é uma menina incrível, um talento incrível. Todo mundo viu nesta temporada. Ela cresceu nesses últimos anos. Ela está de parabéns. Se dedica, corre atrás. Me ter e ter a Thaisa juntas, acho que ela aprendeu bastante”, destacou.

Julia Kudiess recebeu prêmio individual da Superliga

Com direito à polêmica, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) divulgou a ‘seleção’ da Superliga Feminina na temporada 2023/2024. Campeão, o Gerdau Minas também liderou a premiação individual na liga nacional.

Maior pontuadora na final contra o Praia Clube, com 23 acertos, a ponteira dominicana Yonkaira Peña não foi escolhida para a ‘seleção’ do campeonato. Apesar de ter sido eleita a melhor em quadra, a atacante viu a norte-americana Roni Perry, do Sesc Flamengo, e a russa Sofya Kuznetsova, do Praia, serem premiadas.

Por meio das redes sociais, torcedores do Gerdau Minas demonstraram insatisfação pelo fato de Peña não recebido a premiação individual. No entanto, o time de Nicola Negro teve duas jogadoras na ‘seleção’ da Superliga: a oposta Kisy e a central Thaísa.

Segunda maior pontuadora da liga nacional, Kisy ainda foi escolhida a MVP (melhor jogadora) da Superliga 2023/2024. Além disso, Julia Kudiess foi escolhida como a “Atleta Revelação” e Nicola Negro foi eleito o melhor técnico.

‘Seleção’ da Superliga Feminina 2023/2024

  • Levantadora: Brie King (Sesc Flamengo)
  • Oposta: Kisy (Gerdau Minas)
  • Central: Adenízia (Praia Clube)
  • Central: Thaisa Daher (Gerdau Minas)
  • Ponteira: Roni Perry (Sesc Flamengo)
  • Ponteira: Sofya Kuznetsova (Praia Clube)
  • Líbero: Camila Brait (Osasco)
  • Atleta Revelação: Julia Kudiess (Gerdau Minas)
  • MVP da Superliga Feminina: Kisy Nascimento (Gerdau Minas)
  • Melhor Técnico: Nicola Negro (Gerdau Minas)

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Garcia Gimenez é repórter multimídia na Itatiaia. Natural de Arcos-MG e criado em Iguatama-MG. Passou também pela Record Minas.
Hugo Lobão é repórter multimídia do portal Itatiaia Esporte. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, passou por Hoje Em Dia, Record e Globo Esporte. Amante de esportes olímpicos.
João Vitor Cirilo é âncora e repórter. Jornalista na Itatiaia desde 2019, apresenta o Rádio Esportes e ancora as Jornadas Esportivas. Cobre futebol e também o esporte olímpico, no podcast Todo Esporte.
Leia mais