Ouvindo...

Times

Payet pede mais atenção ao Vasco nos minutos finais das partidas

Francês foi um dos destaques da triunfo da equipe sobre o Vitória, neste domingo (12), pela Série A do Campeonato Brasileiro

Com duas assistências nos dois gols do Vasco, no triunfo sobre o Vitória, em São Januário, no domingo (12), pela Série A do Campeonato Brasileiro, o meia Payet pediu mais atenção ao elenco cruzmaltino nos minutos finais das partidas.

Depois de abrir 2 a 0, o Cruzmaltino foi pressionado por mais de 15 minutos pelo time baiano, que marcou uma vez e chegou próximo do empate. No final, o Vasco venceu por 2 a 1, após quatro derrotas consecutivas.

“Este gol que tomamos é um pouco chato porque são os pequenos detalhes que temos de melhorar. Precisávamos terminar este jogo com 2 a 0 ou mais. O Vasco precisa saber terminar as partidas. Temos de ser mais exigentes. Este gol nos colocou muita pressão no final”, lamentou.

Payet ainda fez uma análise do desempenho do Vasco durante os 90 minutos de partida, novamente lamentando o gol sofrido.

“Acho que, na segunda parte, jogamos um pouco mais o nosso jogo, nos deixamos levar. Na primeira parte, fizemos algumas coisas boas, mas não concluímos as nossas jogadas. Tínhamos a posse de bola, mas não finalizamos. Conseguimos chegar ao gol com um lance de bola parada e depois o que aconteceu?”, analisou.

Leia também

Por fim, o camisa 10 celebrou a boa parceria com Vegetti. O segundo gol, em um belíssimo passe de Payet, foi o argentino quem colocou nas redes.

“Com o Pablo (Vegetti) nós nos encontramos um ao outro. O seu setor preferido é a área, por isso, quando a bola chega nas condições certas, normalmente resulta em gol”, disse.

O Vasco volta a campo no sábado (18), às 21h (de Brasília), para o clássico diante do Flamengo, no Maracanã, pelo Brasileiro. O Cruzmaltino soma seis pontos e deixou a zona de rebaixamento do torneio.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Leia mais