Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Times ingleses não terão mais patrocínio master de casas de apostas

Das 20 equipes que estão na disputa da Premier League, 18 votaram a favor para o término desses patrocínios

O futebol inglês definiu uma questão importante envolvendo patrocínio máster. Nesta quinta (13) a Premier League anunciou acordo com os clubes para que não haja mais patrocínio master de casas de apostas na elite do país.

Das 20 equipes que estão na disputa do Inglês, 18 votaram a favor para o término destes patrocínios. Houve duas abstenções. O acordo começa a valer na temporada 2026/27, quando nenhuma equipe poderá mais estampar um site de apostas na parte frontal de seu uniforme.

“Os clubes da Premier League concordaram coletivamente em retirar o patrocínio de jogos de azar da frente das camisetas dos clubes, tornando-se a primeira liga esportiva do Reino Unido a tomar tal medida voluntariamente para reduzir a publicidade de jogos de azar”, anunciou a entidade que comanda o Campeonato Inglês.

“O anúncio segue uma ampla consulta envolvendo a Liga, seus clubes e o Departamento de Cultura, Mídia e Esporte como parte da revisão contínua do governo da atual legislação de jogos de azar. A Premier League também está trabalhando com outros esportes no desenvolvimento de um novo código para patrocínio de jogo responsável.”

Das atuais 20 equipes que disputam a elite inglesa, oito são patrocinadas por casas de apostas: Newcastle, Fulham, West Ham, Bournemouth, Brentford, Southampton e Everton. “Para ajudar os clubes na transição do patrocínio de jogos de azar, o acordo coletivo começará no final da temporada 2025/26.”

Ou seja, todos poderão cumprir com os acordos vigentes sem a necessidade de rompimento sob o pagamento de multa. As casas de apostas poderão seguir em placas de publicidades e nas mangas dos uniformes dos times.

*Com agências

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais