Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Ketleyn Quadros é campeã do Grand Slam de Judô de Antália

Brasileira derrotou a israelense Inbal Shemesh com um ippon no último segundo da luta

Brasileira Ketleyn Quadros é campeã no segundo dia do Grand Slam de judô em Antalya, na Turquia. A judoca, que compete na categoria até 63kg, derrotou Inbal Shemesh, de Israel, na decisão da competição. O Brasil ainda contou com Gabriela Moraes na mesma categoria de Quadros, Ellen Froner e Aléxia Castilhos no 70kg, e Eduardo Yudy no 81kg, que não avançaram às disputas por medalhas.

A campanha de Ketleyn teve cinco vitórias expressivas, começou vencendo australiana Maeve Coughlan na estreia com um waza-ari. A partir das oitavas, a brasileira aplicou ippons para derrotar as adversárias nas disputas até a final. Nas oitavas, passou por Florentina Ivanescu, da Romênia, e nas quartas superou Bárbara Timo, brasileira naturalizada portuguesa. Na semifinal, Quadros despachou a canadense Catherine Beauchemin-Pinard, atual campeã mundial.

Na decisão pelo ouro, Ketleyn Quadros, 8ª colocada do ranking mundial, enfrentou a israelense Inbal Shemesh, número 11. Mesmo em disputa equilibrada, a brasileira mostrou controle da pegada. Forçou duas punições para a adversária, mas acabou levando um shido também. No final do tempo regular, a brasileira conseguiu projetar a israelense, quando o cronômetro zerou. Houve revisão do árbitro de vídeo, que confirmou o ippon para a medalhista de bronze em 2008. É o primeiro título de Ketleyn Quadros na temporada.

Nessa sexta-feira, a brasileira Rafaela Silva também garantiu a medalha de ouro no Grand Slam de Antália, na categoria para atletas de até 57 kg. Os bons resultados acontecem antes do Mundial de Judô, marcado para maio, em Doha, no Catar.

Brasileiros não avançam para finais no judô

Eduardo Yudy alcançou as quartas de final, mas acabou derrotado pelo usbeque Sharofiddin Boltaboev e perdeu a repescagem para Frank de Wit, da Holanda. Ellen Froner, que disputa a mesma categoria que Ketleyn Quadros, foi batida pela sueca Ida Eriksson. Aléxia Castilhos perdeu na estreia para a alemã Giovanna Scocimarro nos 70kg.

O Brasil já havia conquistado um ouro e dois bronzes no primeiro dia de competição. Rafaela Silva, na categoria até 57kg foi campeã, com Jéssica Lima levando o bronze. Wiliam Lima, na categoria até 66kg foi bronze.

A Rádio de Minas. Tudo sobre o futebol mineiro, política, economia e informações de todo o Estado. A Itatiaia dá notícia de tudo.
Leia mais