Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Execução de humorista em MG completa 3 meses com audiência marcada e suspeito foragido

Tiago Brito foi morto a tiros dentro de farmácia em Ipatinga por alvo de ‘fofoca’ sobre traição; viúva de comediante será assistente de acusação do MP

Tiago Brito foi morto a tiros dentro da própria farmácia, em Ipatinga

Tiago Brito foi morto a tiros dentro da própria farmácia, em Ipatinga

Reprodução/Redes sociais

O assassinato do humorista Tiago Brito completou três meses nesta semana. O comediante e empresário foi executado a tiros dentro da farmácia que possuía em Ipatinga, no Vale do Aço, em 15 de agosto deste ano. A primeira audiência do caso já tem data para acontecer, mas, ao que tudo indica, o autor do crime não deve estar no banco dos réus, já que, três meses após o crime, o suspeito segue foragido (relembre o caso no fim da matéria).

Rainier de Almeida Dias, empresário indiciado pelo assassinato de Tiago Brito, chegou a se apresentar em uma delegacia de Ipatinga e entregar suas armas, mas acabou sendo liberado por conta da ausência do mandado de prisão, que foi expedido poucas horas após ele deixar a sede policial.

No fim de setembro, Rainier foi indiciado por homicídio triplamente qualificado, mesmo estando 43 dias foragido. O mandado de prisão contra o acusado consta no site do Conselho Nacional de Justiça como “pendente de cumprimento” e, mesmo foragido, a defesa de Rainier entrou com um pedido de habeas corpus, que foi negado pela 3ª Câmara Criminal da Justiça mineira.

Mandado segue em aberto no site do CNJ
Primeira audiência já tem data marcada

Mesmo com o réu foragido, a Justiça marcou a data da audiência de instrução e julgamento do assassinato de Tiago Brito, que vai acontecer no dia 22 de janeiro de 2024. A juíza Josselma Lopes da Silva Lages intimou advogados, testemunhas e o próprio acusado, mas ainda não se sabe se ele vai comparecer ao julgamento.

Quem também deve estar presente é a viúva de Tiago Brito, Lorrane Santos Brito. Ela foi incluída no processo como assistente de acusação do Ministério Público. Neste papel, ela pode propor meios de prova, questionar as testemunhas e participar de debates com os presentes.

A data do julgamento de Rainier, que vai a júri popular, ainda não foi definida. A Itatiaia entrou em contato com o advogado de Rainier de Almeida Dias, que informou que o seu cliente não deseja se posicionar. O espaço segue aberto.

Humorista morto a tiros em Minas

O humorista e influenciador digital Tiago Brito foi morto a tiros dentro de uma farmácia em Ipatinga, no Vale do Aço, na tarde desta terça-feira (15). Ele era dono do estabelecimento que fica no bairro Bom Jardim e foi executado com vários tiros.

O suspeito chegou em um Toyota Corolla prata e entrou na farmácia de Thiago, indo em direção ao humorista e dando vários tiros na vítima. Eles começam a discutir e, na sequência, o autor faz vários disparos na direção da vítima, que chega a se agarrar na perna do suspeito. O homem se desvencilha, sai da loja, entra no carro e foge em sequência.

A suspeita inicial é de que o crime tenha sido motivado por desentendimentos envolvendo um vídeo divulgado por Thiago em suas redes sociais. De acordo com a apuração da Itatiaia, o humorista teria publicado um caso sobre uma traição envolvendo um morador do bairro Bom Jardim, onde fica a loja. Segundo testemunhas, o autor chegou a falar sobre esse vídeo antes de cometer o crime. Essa hipótese ainda vai ser investigada pela Polícia Civil.

Jornalista formado pela UFMG, com passagens pela Rádio UFMG Educativa, R7/Record e Portal Inset/Banco Inter. Colecionador de discos de vinil, apaixonado por livros e muito curioso.
Leia mais