Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Porsche a 250 km/h em BH: BO cita motorista com sintomas de embriaguez e ‘perseguição’

Motorista se recusou a fazer teste do bafômetro

porsche_BH.jpeg

Carro de luxo virou um monte de ferro retorcido

João Eduardo Santana/Itatiaia

O Boletim de Ocorrência (BO) do acidente envolvendo um carro Porsche descreve que o motorista, de 32 anos, apresentava sintomas de embriaguez, como fala desconexa, andar cambaleante, hálito etílico e olhos avermelhados. O acidente ocorreu na madrugada desta segunda-feira (11), na avenida Barão Homem de Melo, no bairro Estoril, na região Oeste de Belo Horizonte. O passageiro, de 32 anos, identificado como Cayke Pelegrino Tavares, foi arremessado para fora do carro e morreu na hora. A suspeita é que os dois estavam voltando de uma festa.

Conforme o BO, o motorista, Rodrigo Rodrigues Andrade Chiatti, teve ferimentos leves, também de 32 anos, recusou a fazer o teste do bafômetro. Ele sofreu escoriações no braço. Aos policiais, ele não conseguiu explicar o que ocorreu, mas disse que era perseguido por algumas pessoas. O documento não detalha como seria ocorrido essa suposta perseguição.

A perícia da Polícia Civil identificou que o velocímetro do carro travou nos 250 km/h. O motorista estava com carteira CNH vencida.

Uma garrafa de whisky foi encontrada do lado de fora do carro, mas a polícia não confirma se ela estava ou não dentro do veículo.

Jornalista formado pela Newton Paiva. É repórter da rádio Itatiaia desde 2013, com atuação em todas editorias. Atualmente, está na editoria de cidades.
Leia mais