Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Nova espécie de dinossauro é descoberta no Brasil e é batizada de ‘Tieta'; conheça a Tietasaura Derbyana

Animal teria vivido na América do Sul há mais de 130 milhões de anos; fósseis foram descobertos na Bahia

Uma nova espécie de dinossauro foi descoberta por pesquisadores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, a Tietasaura Derbyana. O animal que viveu no recôncavo baiano há cerca de 130 milhões de anos, no período Pré-Barremiano, foi batizado em homenagem à “Tieta do Agreste” do livro homônimo de Jorge Amado.

A segunda parte do nome do animal é uma homenagem à Orville A.Derby, fundador do Serviço Geológico e Mineralógico do Brasil - ele também foi um dos primeiro paleontólogos brasileiros.

A pesquisa foi feita por uma equipe de paleontólogos coordenadas pelas pesquisadoras Kamila Bandeira e Valéria Gallo, do instituto de Biologia Roberto Alcântara Gomes (Ibrag). Conforme a universidade, o fóssil de Tietasaura Derbyana foi um dos primeiros vestígios de dinossauros a serem encontrados na América do Sul, eles foram coletados entre 1859 e 1906 na Bacia do Recôncavo, uma unidade geológica localizada no Nordeste do Brasil.

“As ocorrências de dinossauros em depósito Pré-Barremiano, ou seja, de cerca de 130 milhões de anos atrás, são raras, mundialmente falando, e consideradas produto de uma escassez global de depósitos continentais desse período”, afirmou Kamila Bandeira, coordenadora da pesquisa.

Por anos, os vestígios ficaram desparecidos, e chegaram a ser considerados perdidos. Contudo, recentemente foram encontrados no Museu de História Natural de Londres.“Os achados descritos nesta pesquisa representam, não apenas, uma das faunas de dinossauros mais diversas deste intervalo de tempo, mas também uma descoberta histórica importante”, pontua Bandeira.

Como era Tietasaura Derbyana?

Os pesquisadores indicaram que a nova espécie de dinossauro pertence à ordem de dinossauros ornitísquios. Nela, os animais são herbívoros, ou seja, só se alimentam de vegetais, possuem o focinho em forma de bico e estrutura pélvica parecida com à das aves.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Ana Luisa Sales é estudante de jornalismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Na Itatiaia desde 2022, já passou por empresas como ArcelorMittal e Record TV Minas. Atualmente escreve para as editorias entretenimento, curiosidades e cidades.
Leia mais