Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Suspeito de ligação com o PCC deu bolsa de grife para Deolane Bezerra

Rodrigo Inácio de Lima Oliveira, de 34 anos, é investigado pela PF sobre um suposto envolvimento com o PCC

Mais uma investigação da polícia liga a influenciadora Deolane Bezerra a um homem suspeito de envolvimento com o Primeiro Comando da Capital (PCC). Conforme apuração da Polícia Federal, Rodrigo Inácio de Lima Oliveira, de 34 anos, teria dado uma bolsa de grife para a advogada.

Rodrigo é investigado por um suposto envolvimento em um esquema de lavagem de dinheiro para o PCC. Ele é sócio da produtora de funk GR6 Eventos e leva uma vida de muito luxo nas redes sociais. A informação é do Metrópoles.

Leia também

O suspeito tem uma mansão avaliada em R$7 milhões em Orlando, nos Estados Unidos, e, em 2021, deu uma bolsa da grife italiana Prada, avaliada em R$15 mil. O empresário, no entanto, nega as acusações e afirma que o dinheiro é proveniente dos lucros da empresa que administra.

Essa não é a primeira vez que Deolane é ligada a um investigado pela polícia. Na semana passada, ela se tornou alvo de investigação pela Polícia Civil do Rio de Janeiro devido a uma possível relação dela com traficantes do Complexo da Maré.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Jornalista formada pela PUC Minas. Mineira, apaixonada por esportes, música e entretenimento. Antes da Itatiaia, passou pelo portal R7, da Record.
Leia mais