Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Edenilson e Rafael Cabral, de Atlético e Cruzeiro, desembarcam em Porto Alegre para acerto com o Grêmio

Dupla deixou Belo Horizonte na noite dessa quinta-feira (18). Anúncio oficial é esperado para esta sexta (19)

O goleiro Rafael Cabral e o meio-campista Edenilson, de Cruzeiro e Atlético, respectivamente, desembarcaram na noite dessa quinta-feira (18) no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre.

O Portal do Gremista flagrou o momento da chegada dos dois jogadores ao Rio Grande do Sul. Eles deverão ser anunciados pelo Tricolor nesta sexta-feira (19), quando fecha a janela de inscrições do futebol brasileiro.

Rafael Cabral

Rafael Cabral será emprestado pelo Cruzeiro até o fim da temporada. Em contrapartida, a Raposa deverá confirmar a chegada do também goleiro Gabriel Grando, do Grêmio. Os dois jogadores terão valores de direitos econômicos fixados.

Contratado pelo Cruzeiro em 2022, Rafael Cabral chegou à Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, com a missão de substituir o ídolo Fábio, que deixou o clube após uma divergência salarial com Ronaldo e acertou com o Fluminense.

Desde que assumiu a meta cruzeirense, Cabral sempre foi titular absoluto. No período, o goleiro conquistou a Série B do Campeonato Brasileiro e foi vice-campeão mineiro em 2022 e, agora, em 2024.

Ao todo, Cabral vestiu a camisa do Cruzeiro em 120 partidas. Na carreira, além do clube celeste, Rafael já defendeu o Santos, o Napoli-ITA, a Sampdoria-ITA e o Reading-ING.

Edenilson

Diferentemente de Cabral, Edenilson deixa o Atlético em definitivo. O meio-campista tem contrato com o Atlético até o fim desta temporada, mas nunca conseguiu se firmar como titular da equipe.

Contratado no fim de 2022 ao Inter, o jogador fez 58 jogos e marcou três gols com a camisa do Atlético. Ele foi bicampeão mineiro (2023 e 2024).

Edenilson ainda se recupera de uma ruptura ligamentar no cotovelo direito. Ele virou desfalque no Atlético antes da estreia na Copa Libertadores - goleada por 4 a 1 sobre o Caracas, da Venezuela.

De lá para cá, não foi opção para Milito na decisão do Campeonato Mineiro, na segunda rodada da fase de grupos da Libertadores e nas duas rodadas do Brasileirão - jogos contra Corinthians e Criciúma.

Leia também


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Portal de esportes da Itatiaia
Leia mais