Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Botafogo vence o Fluminense, mas não avança às semifinais do Campeonato Carioca

Marlon Freitas, duas vezes, Raí e Emerson Urso marcam os gols da vitória do Glorioso, no Maracanã, pela última rodada da Taça Guanabara

Em um clássico com emoções até os minutos finais, o Botafogo venceu o Fluminense neste domingo (3), no Maracanã, por 4 a 2. A partida foi válida pela última rodada da Taça Guanabara, com o Tricolor já entrando em campo classificado para as semifinais do Campeonato Carioca, enquanto o Alvinegro não garantiu sua vaga.

Marlon Freitas e Raí colocaram o Botafogo em vantagem no primeiro tempo, e Lelê e John Kennedy marcaram pelo Fluminense. Nos minutos finais, Marlon Freitas marcou pela segunda vez e Emerson Urso garantiram a primeira vitória em clássicos do Glorioso em 2024.

Apesar da vitória, o Botafogo terminou a fase na quinta posição e precisará disputar a Taça Rio. Flamengo, Nova Iguaçu, Vasco e Fluminense disputarão as semifinais do Campeonato Carioca. Confira as datas a classificação completa clicando aqui.

Leia também

Botafogo abre vantagem

Uma das novidades na equipe de Fábio Matias, Raí foi o responsável por colocar o Botafogo em vantagem. Logo aos três minutos, o camisa 75 teve liberdade pelo lado esquerdo e cruzou para a área. Marlon Freitas dominou e finalizou para abrir o placar no Maracanã. Na comemoração, o volante, que perdeu um familiar nesta semana, se emocionou.

Antes dos 15, o Alvinegro ampliou. Raí ficou com o rebote na entrada da área, após corte parcial de Antônio Carlos, e chutou forte, sem chances para Felipe Alves: 2 a 0 para o Botafogo. O goleiro do Fluminense ainda evitou o terceiro gol adversário, em ótima defesa em finalização de Marlon Freitas - novamente com espaço na entrada da área.

Fluminense encontra o caminho

O time de Fernando Diniz teve dificuldades para transformar a posse de bola em chances de gol, mas encontrou o caminho pelo lado esquerdo, com lançamentos para Lelê nas costas de Bastos. Foram três lances similares, nos quais o atacante do Fluminense saiu cara a cara com Gatito. O camisa 18 perdeu duas oportunidades incríveis, mas aproveitou o vacilo da defesa rival e descontou aos 24 minutos: 2 a 1. Após a parada técnica, a partida seguiu até o intervalo sem grandes emoções.

Controle alvinegro

Na volta do intervalo, o Botafogo teve o controle e as melhores oportunidades até a parada para hidratação, aos 25 minutos. O time de Fábio Matias aproveitou os espaços na entrada da área e finalizou com perigo algumas vezes, mas não conseguiu balançar a rede. Diego Hernández, Gregore, Emerson Urso, Mateo Ponte... Todos tentaram sem sucesso.

Pênalti de um lado...

Fernando Diniz, então, mexeu no Fluminense. Marquinhos, André e Martinelli entraram. Jhon Arias já havia sido acionado no primeiro tempo. O empate tricolor veio aos 38 minutos. Em cruzamento de Marquinhos, o árbitro viu empurrão de Damián Suárez em John Kennedy e marcou pênalti. O atacante foi para a cobrança e, de cavadinha, deixou tudo igual no Maracanã: 2 a 2!

Pênalti do outro!

A reação do Botafogo foi imediata. Kauê roubou a bola de André e, ao invadir a área, foi derrubado pelo volante do Fluminense. Pênalti marcado e cartão vermelho para o camisa 7 do Tricolor. Marlon Freitas deslocou Felipe Alves e marcou pela segunda vez na partida: 3 a 2.

Confusão e mais um gol

O clássico esquentou nos minutos finais, com uma confusão generalizada após Felipe Alves empurrar Yarlen, que estava caído no gramado, para fora do campo. Ainda teve tempo para Emerson Urso marcar de cabeça já nos acréscimos, aos 53, e garantir a vitória do Glorioso no Maracanã.

Fluminense 2 x 4 Botafogo

Fluminense

Felipe Alves, Guga (Martinelli), Marlon (Marquinhos), Antônio Carlos (André) e Alexsander (Marcelo); Lima, Terans e Renato Augusto; Douglas Costa (Jhon Arias), Lelê e John Kennedy - Técnico: Fernando Diniz.

Botafogo

Gatito Fernández; Mateo Ponte (Damián Suárez), Bastos, Halter (Jefferson) e Marçal; Gregore, Marlon Freitas, Kauê (Yarlen) e Diego Hernández (Hugo); Raí (Emerson Urso) e Janderson - Técnico: Fabio Matias.

Gols: Lelê (24'/1ºT), John Kennedy (38'/2ºT) do Fluminense; Janderson (3'/1ºT), Raí (15'/1ºT), do Botafogo
Cartão amarelo: John Kennedy, Lelê e Felipe Alves (FLU); Gregore, Halter, Marçal, Mateo Ponte, Emerson Urso, Gatito Fernández e Damián Suárez (BOT)
Cartão vermelho: André (FLU)
Público e renda: 19.764 pagantes / 21.492 presentes / R$ 1.014.427,50

Motivo: Jogo da 11ª rodada do Campeonato Carioca
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Data e hora: 3 de março de 2024, às 16h (de Brasília)

Árbitro: Felipe Paludo
Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Márcia Alves
Arbitro de vídeo: Rodrigo Carvalhães

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Jornalista e correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Apaixonado por esportes, pela arquibancada e contra torcida única.
Leia mais