Ouvindo...

Times

Entenda processo que pode levar Cruzeiro, Praia Clube e Vitória para disputa do NBB

Clubes pediram formalmente a entrada na Liga Nacional de Basquete (LNB), órgão que administra campeonato de clubes

Cruzeiro, Praia Clube e Vitória fizeram uma solicitação formal para participar da próxima edição do Novo Basquete Brasil (NBB). Os clubes aguardam agora uma resposta da Liga Nacional de Basquete (LNB), órgão independente que organiza o NBB.

Após o pedido formal, a LNB começa o processo de diligência e avaliação para aceitar novos clubes. A expectativa é que a resposta seja dada no mês de julho.

A LNB faz vistorias nos ginásios onde as equipes pretendem mandar os jogos, além de estudar condições financeiras das equipes continuarem com o projeto a longo prazo. As equipes que solicitaram a entrada precisam pagar uma taxa única na casa dos R$ 450 mil.

O valor é pago uma vez e ajuda a cobrir as despesas, entre elas, de logística. O NBB conta com a Caixa Econômica Federal como patrocínio máster, além de outras sete marcas. A Liga também tem parceria com a NBA, principal competição de basquete no mundo.

A temporada 2023/2024 contou 19 clubes, número recorde de participantes. Botafogo, Mogi Basquete e Vasco participaram pela primeira vez. A expectativa é que o Cerrado Basquete, que passa por dificuldades financeiras, não participe da edição 2024/2025.

Leia também

A

O Cruzeiro manda os jogos no Ginásio Poliesportivo de Itatiaiuçu, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Segundo apurou a Itatiaia, o local teria que passar por algumas adequações para receber jogos do Novo Basquete Brasil.

A diretoria do projeto celeste avalia também outros locais. Reuniões entre os gestores apontaram ginásios em Belo Horizonte para os jogos. A Arena Hall, local onde a equipe já mandou jogos é uma das possibilidades. O Mineirinho também precisaria de adaptações, mas foi outro ginásio cogitado.

O projeto Cruzeiro Basquete foi iniciado em 2022, com moldes semelhantes ao que ocorre no Vôlei. A gestão é feita de maneira independente do clube, apesar de parcerias não serem descartadas. A equipe conquistou o Campeonato Brasileiro em 2023 e a Copa Sul-Americana em 2024.

O Praia Clube tem três locais possíveis em Uberlândia para realização dos jogos. O ginásio do Sabiázinho, Ginásio Walterclides Borges de Sá e Ginásio Homero Santos - UTC também são opções.

Uberlândia tem grande tradição na disputa do basquete. A cidade já foi local do Unitri/Uberlândia, que foi campeão nacional em 2004 e disputou o NBB entre 2010 a 2015.

O Vitória busca participar do NBB pela segunda vez. Curiosamente, o Rubro-Negro ‘herdou’ o Uberlândia em 2015 e participou até 2018 da competição.

A equipe foi retomada em 2022 e conquistou a Liga do Nordeste de Basquete (2022), além da participação também no Campeonato Brasileiro organizado pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB).

O time manda os jogos no Ginásio de Cajazeiras, em Salvador. Segundo apurou a Itatiaia, há otimismo por parte do clube que a resposta para participação seja positiva.

Temporada 2023/2024

Em 2023/24, Cruzeiro, Praia Clube e Vitória disputaram o Campeonato Brasileiro de Basquete, organizado pela Confederação Brasileira de Basqutee (CBB). Caso a mudança seja confirmada, eles passam a fazer parte do Novo Basquete Brasil (NBB), organizado pela Liga Nacional de Basquete (LNB) e que conta com 19 equipes, sendo o Minas Tênis Clube o único representante mineiro.

No CBB 2023/2024, nove equipes foram divididas em dois grupos, sendo um com quatro times e outro com três. Cruzeiro, Praia Clube e Vitória estavam no grupo 1, mas apenas a equipe celeste passou pelos playoffs e chegou ao “Final Four”.

Nas três partidas dessa fase final, o Cruzeiro somou duas vitórias e uma derrota, terminando na vice-liderança. O Osasco foi o campeão da temporada, que terminou no começo deste mês.

A partir desta quinta-feira (20), o Cruzeiro também começa participação na Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), prevista para terminar no fim de agosto.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais