Ouvindo...

Times

Vídeo: com câncer, Rei Charles III faz aparição durante comemoração de aniversário

Monarca britânico apareceu ao lado da esposa, Camilla Parker-Bowles; princesa de Gales, Kate Middleton fez primeira aparição após diagnóstico de câncer durante o evento

O Rei Charles III participou, neste sábado (15) do Trooping The Colour, evento para comemorar o aniversário do monarca britânico. A procissão também foi marcada pela presença de Kate Middleton, a Princesa de Gales que, assim como Charles, também foi diagnosticada com câncer. Kate saiu do Palácio de Buckingham em uma carruagem junto com os três filhos e outros membros da realeza britânica.

Ao lado da esposa, Charles saiu do Palácio de Buckingham, sorridente e acenando para a multidão que cercava o local. Veja o vídeo:

O “Trooping The Colour” é uma cerimônia militar que celebra o aniversário oficial do soberano do Reino Unido. O aniversário do Rei Charles III é em 14 de novembro, mas tradicionalmente a comemoração ocorre no primeiro ou segundo sábado de junho, quando a temperatura é mais agradável.

Leia também

Diagnósticos de câncer

Em 17 janeiro, o Palácio de Buckingham destacou que o rei Charles esteve em uma clínica de Londres para um “procedimento corretivo” devido ao aumento benigno da próstata. Ele descobriu o tumor após um check-up enquanto estava em sua residência em Birkhall, em Aberdeenshire, na Escócia.

Charles ficou internado por três dias na unidade de saúde e recebeu alta no dia 29 daquele mês. À época, foi informado que ele “estava bem”, e que Kate Middleton passou por uma cirurgia abdominal bem-sucedida. A princesa foi liberada e, posteriormente, o monarca deixou a unidade.

Durante o tratamento, foi identificada “uma forma de câncer” e, por isso, o rei recebe cuidados desde então.

No dia 30 de abril, ele retornou à vida pública, conforme divulgou o Palácio de Buckingham. “Os próximos compromissos serão adaptados quando necessário para minimizar quaisquer riscos à recuperação contínua de Sua Majestade”, destacou o texto.

Kate, após a cirurgia, passou por exames pós-operatórios que confirmaram a presença de células cancerígenas. O diagnóstico foi revelado em março, época em que ela falou também que passa por quimioterapia preventiva.

“Para todos os que enfrentam esta doença, seja qual for a sua forma, por favor não percam a fé ou a esperança. Vocês não estão sozinhos”, disse a princesa. À época, um porta-voz do Palácio de Kensington disse à imprensa britânica que a “princesa está focada em seu tratamento e sua recuperação completa”.


Participe dos canais da Itatiaia:

Jornalista formado pela UFMG, com passagens pela Rádio UFMG Educativa, R7/Record e Portal Inset/Banco Inter. Colecionador de discos de vinil, apaixonado por livros e muito curioso.
Leia mais