Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

‘The Office': veja atores que participaram da série e já morreram

Ao todo, quatro atores da série na versão do Reino Unido e dos Estados Unidos já morreram; Ewen MacIntosh, Mark York, Ranjit Chowdhry e Rainn Wilson

O ator britânico Ewen MacIntosh, mais conhecido por interpretar Keith Bishop em “The Office”, morreu aos 50 anos. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (21) pela agência do ator.

“Ewen sofreu de problemas de saúde nos últimos dois anos e faleceu pacificamente no dia 19 de fevereiro por causas não reveladas”, anunciou a equipe do ator à Variety. “Ewen era um ator maravilhoso e um ser humano ainda melhor. Ele fazia as pessoas rirem e possuía um coração tão gentil. Ele tocou a vida de todos que tiveram contato com ele”, dizia a nota.

Conhecido como 'ícone da comédia’, pela mídia do Reino Unido, o ator fez parte do elenco da versão inglesa da série, protagonizada por Ricky Gervais. A causa da morte não foi divulgada.

Na série, MacIntosh interpretou um contador inexpressivo. Entre suas cenas mais icônicas, estão o momento em que ele descreveu como “eczema” sua maior fraqueza, durante uma avaliação da equipe, e o episódio em que come um ovo escocês. O personagem equivalente no “The Office” americano seria Kevin Malone.

Mas o ator, que fez parte do elenco na versão britânica, não foi o único a deixar os fãs, familiares e amigos.

Em 2021, o ator Mark York, morreu aos 55 anos. Ele era conhecido como Billy Merchant, gerente do prédio onde funcionava a empresa Dunder Mifflin, retratada na história. A morte de Mark aconteceu no dia 19 de maio de 2021.

De acordo com o obituário do Miami Valley Hospital, em Ohio, ele foi vítima de doença ‘rápida e inesperada’, cujo nome não foi revelado.

York cresceu no estado de Ohio, nos Estados Unidos. No início da vida adulta, se mudou para a cidade de Los Angeles, na Califórnia, para tentar a chance como ator. Em 1988, sofreu grave acidente de carro que o deixou paraplégico, o que não o impediu de trabalhar em atrações importantes da TV e do cinema.

Já em 2020, Ranjit Chowdhry, ator mais conhecido por interpretar Vikram em “The Office”, morreu aos 64 anos.

Segundo o jornal diário indiano The Economic Times, a causa da morte foi anunciada. O ator apareceu como Vikram em dois episódios de “The Office”, um em 2007 e outro em 2009.

Em 2019, o ator Hugh Dane, conhecido como Hank, o segurança na série “The Office”, morreu aos 75 anos, no dia 16 de maio. Além de Hank e de seus dois papeis na série de Will Smith nos anos 1990, Dane também participou de “Friends”, “The West Wing” e de “The Mayor”.

Sua morte foi divulgada por Rainn Wilson, que também trabalhou com Dane na série “The Office”.

“Descanse em paz, Hugh Dane, também conhecido como Hank, o segurança. Ele era um dos grandes. Tão gentil, engraçado, talentoso. Todos sentiremos sua falta”, escreveu Wilson no Twitter.

Leia também

‘The Office’, série com Ewen MacIntosh, teve duas versões; saiba diferença

Considerada uma das sitcoms mais icônicas da televisão, “The Office” foi responsável pela crescente do humor por “vergonha alheia”. A série gravada ao estilo de um reality show ou documentário foi criada por Ricky Gervais e Stephen Merchant, no Reino Unido, onde era transmitida pela NBC.

A versão original da série acabou inspirando Greg Daniels, que deu a ideia de produzir um remake situado nos Estados Unidos para a NBC. Em ambas versões, a série narrava o cotidiano do escritório de uma empresa de papel chefiada por um homem politicamente incorreto e incompetente.

A versão inglesa acompanhava David Brent, personagem interpretado por Gervais, que comandava a Wernham Hogg Paper Company. Já a versão estadunidense, que estreou em 2005 era protagonizada por Michael Scott, encarnado por Steve Carell, gerente responsável pela Dunder Mifflin Paper Company.

“The Office”, seja na produção do Reino Unido ou dos Estados Unidos, deixou um impacto inegável na comédia ao explorar os absurdos de um ambiente de escritório. A versão protagonizada por Steve Carell acabou sendo a mais bem-sucedida, já que conquistou nove temporadas - sete a mais que a original.

Participe do canal da Itatiaia no Whatsapp e receba as principais notícias do dia direto no seu celular. Clique aqui e se inscreva.

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), já trabalhou na Record TV e Rede Minas. Atualmente é repórter multimídia da Itatiaia. Comunicativa e ligada as redes sociais, entretenimento e cidades.
Maria Clara Lacerda é jornalista formada pela PUC Minas e apaixonada por contar histórias. Na Rádio de Minas desde 2021, é repórter de entretenimento, com foco em cultura pop e gastronomia.


Leia mais