Ouça a rádio

Compartilhe

Turco Mohamed será demitido se Atlético não vencer Flamengo neste domingo

Diretoria alvinegra já perdeu a confiança no trabalho do treinador

Turco Mohamed não ficará no Atlético por muito tempo, mesmo se vencer o Flamengo

A situação do técnico Antonio ‘Turco’ Mohamed no Atlético está complicadíssima. Sem apoio da diretoria do Galo, o treinador será demitido caso o time alvinegro não vença o Flamengo na partida deste domingo, às 16h, no Mineirão, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A informação foi apurada pelo jornalista João Vitor Xavier junto ao alto escalão da diretoria do Atlético e divulgada nesta quinta-feira durante o programa Bastidores, da Itatiaia.

“Se o Atlético não ganhar, se não jogar bem, o Turco não resiste no final de semana. A diretoria do Atlético está insatisfeita com o trabalho do Turco”, afirmou João Vitor Xavier.

Ainda de acordo com as informações, a diretoria do Atlético já perdeu a confiança no trabalho do Turco e não há nada mais o que possa ser feito pelo treinador para permanecer no cargo por muito tempo. A direção alvinegra está extremamente insatisfeita com o padrão de jogo do time e acredita que o comandante argentino não conseguirá corrigir o problema.

Desta forma, mesmo que o Atlético ganhe do Flamengo neste domingo, Turco Mohamed não terá vida longa no Galo.

Após começar bem a temporada no Atlético, conquistando o Campeonato Mineiro e a Supercopa do Brasil, Turco Mohamed viu a equipe cair de rendimento ao longo das últimas semanas e passou a ficar pressionando após a derrota por 5 a 3 para o Fluminense, no Maracanã, pelo Brasileirão.

O Atlético está há quatro jogos sem vencer na temporada. A última vez que o time ficou este período de jejum foi em outubro de 2020. Atualmente, o Galo ocupa o sexto lugar no Brasileiro e pode perder mais posições se não vencer o Flamengo.

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido