Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Vizinho de ex-sogros de Neymar detalha roubo da casa dos Biancardi

Suspeitos teriam utilizado o cadastro biométrico do suspeito para entrar no condomínio fechado

Um dos envolvidos no assalto à casa dos pais de Bruna Biancardi nessa terça-feira (7), Eduardo Seganfredo Vasconcelos, de 19 anos, afirmou em depoimento à Polícia Civil que ele e os outros dois comparsas planejaram roubar os “avós da filha do Neymar”. Na ocasião, Telma Fonseca Ribeiro, de 50 anos, e Edson Ribeiro, de 52 anos, foram amarrados e feitos de reféns durante a ação dos suspeitos.

O jovem foi preso em flagrante com os outros dois suspeitos de terem participado do crime - “Urso” e “Europa”. De acordo com Vasconcelos, os três se encontraram na noite anterior ao assalto para planejar o crime. O depoimento, dado pelo jovem na manhã seguinte ao roubo, foi obtido pelo portal Metrópoles.

Vasconcelos detalhou que o trio usou o fato dele ter o cadastro biométrico no condomínio, para conseguir acesso à casa dos “sogros de Neymar”. O trio invadiu a residência por volta das 3 horas da madrugada de terça-feira, o suspeito também afirmou que não fez Telma e Edson de reféns, mas que andou pela residência com os outros dois suspeitos.

Na ocasião, foram roubados três bolsas de luxo, cinco relógios e nove joias. Vasconcelos também disse que não estava com os itens, e que está arrependido de ter participado do crime. Ele também afirmou que foi influenciado pelos “amigos”.

Ana Luisa Sales é estudante de jornalismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Na Itatiaia desde 2022, já passou por empresas como ArcelorMittal e Record TV Minas. Atualmente escreve para as editorias entretenimento, curiosidades e cidades.
Leia mais