Ouça a rádio

Compartilhe

Polícia prende madrasta suspeita de jogar criança de 6 anos do 4º andar de prédio: ‘peguei e joguei’

A mulher disse à polícia que jogou o enteado do prédio após o marido ameaçar matar seu filho biológico; homem afirmou que “crise de ciúmes” seria a  motivação do crime  

Uma mulher, de 31 anos, foi presa suspeita de jogar o enteado de 6 anos do quarto andar de um edifício no bairro Cidade Universitária, em Maceió (AL), na madrugada desta segunda-feira (23). Ela confessou o crime à polícia. 

À TV Gazeta, a mulher contou que discutiu com o pai da criança, que teria ameaçado o seu filho mais velho. "Eu disse a ele, se você matar o meu filho, eu mato o seu também. A gente ficou discutindo dentro de casa, foi na hora que eu peguei o filho dele e joguei", disse. 

A suspeita foi levada para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O pai do menino contou à polícia que a criança foi jogada do apartamento em que moram após a mulher ter uma crise de ciúmes. 

Conforme o delegado Fábio Costa, a suspeita foi detida após realização de buscas e “autuada em flagrante por tentativa de homicídio”. 

O menino foi levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde segue estável. A criança ficou ferida na região do rosto e teve escoriações pelo corpo. Conforme o conselheiro tutelar da 8º Região, Ewerton Pita, ainda não foi possível conversar com o menino porque ele está com muitas dores e hematomas. “Um caso que chocou bastante”, disse à Gazeta. 

A madrasta está com o pai da criança há aproximadamente 8 meses, após a mãe dele ter falecido. Segundo o homem, ele estava bebendo com a mulher, quando ela teve uma crise de ciúmes e afirmou que iria matar a criança. Em seguida, ela pegou o menino e o jogou do apartamento. 

Leia Mais

Mais lidas

Ops, não conseguimos encontrar os artigos mais lidos dessa editoria

Baixar o App da Itatiaia na Google Play
Baixar o App da Itatiaia na App Store

Acesso rápido