Ouvindo...

Times

Briga de trânsito pode ter motivo de morte de sargento da PM em BH: ‘Morreu por bobeira’

Crime ocorreu rua Flamengo, no bairro São Bernardo, na região Norte da capital mineira

Uma briga de trânsito pode ser o motivo do assassinato do sargento da policial militar Wellington da Costa Barros, de 42 anos, na noite dessa terça-feira (17) na rua Flamengo, no bairro São Bernardo, na região Norte de Belo Horizonte.

Segundo uma testemunha, que não quis ser identificada, o PM estava no carro e o outro homem atravessou a pé. O motorista buzinou, e esse foi o início do conflito.

“O cara estava atravessando e o motorista buzinou. O que estava fora do veículo ficou tranquilo e, de repente, deu um soco no carro. E aí deu confusão. Foi uma briga boba. De bobeira, ele faleceu”, relatou a testemunha, que estava no local no momento do crime.

De acordo com boletim de ocorrência, após a agressão, o militar desceu do veículo e foi atrás com a arma em punho. Um disparo foi efetuado contra o portão de uma casa. Ainda não se sabe a dinâmica, mas o autor conseguiu pegar a arma do policial e o matou com dois disparos.

“Ele poderia ter ido embora, deixado a coisa passar em branco”, lamentou. Ele ainda contou que uma mulher estava no carro no momento do assassinato. “Ela estava em estado de pânico”, finalizou.

A Polícia Militar (PM) deve se pronunciar oficialmente nesta quarta-feira (18).

Repórter policial e investigativo, apresentador do Itatiaia Patrulha.
Leia mais