Ouvindo...

Times

Filha de influencer acusado de desvio de doações é entregue a avó: ‘vontade de largar no orfanato’, diz Igor

Igor Viana, pai de Sofia é denunciado por maus-tratos contra a bebê, que tem paralisia cerebral; de acordo com o Conselho Tutelar, influenciador estava pronto para fugir

O Conselho Tutelar de Anápolis encaminhou a filha dos influenciadores Igor Viana, de 24 anos, e Ana Santi, de 22 anos, para a casa dos avós paternos. A decisão acontece após o pai da criança ser denunciado por maus-tratos contra a filha, diagnosticada com paralisia cerebral.

Igor é suspeito de desviar dinheiro da vaquinha feita para a criança, além de humilhar ela em público. Em um dos vídeos e áudios investigados, Igor chama a filha de inútil após pedir que ela vá sozinha ao mercado. A ação ocorreu de forma cautelar, aconteceu nesse segunda-feira (24), com equipe da Polícia Militar (PM), além de uma conselheira tutelar.

“A primeira denúncia foi em relação a um vídeo onde o Igor Viana agride com palavras de baixo escalão, a Ana, mãe da Sophia Diante. A partir desse vídeo já agimos para proteger a mãe e a criança, porém, em contato com a mãe, ficou bem claro que aquele vídeo era uma jogada de marketing. Os dois combinaram que seria melhor ela, por ser mulher, sair perante os seguidores como vítima da história. Isso nos chocou muito, os dois armaram tudo” — disse Grazielle Ramos, do Conselho Tutelar de Anápolis, ao O GLOBO.

Nas redes sociais, Igor Viana se identifica como “Pai da Soso” e “servo do Deus vivo”. No aplicativo do TikTiok, o influenciador compartilha com milhares de seguidores a rotina da filha com a doença. Também nesse perfil, o homem pedia doações, que seriam utilizadas nos cuidados com a criança. De acordo com o Conselho Tutelar, ambos tentaram fugir com Sofia.

“Só conseguimos localizar a família extensa de Igor nesta segunda-feira. Quando fomos até o endereço para recolher a criança e entregá-la aos avós paternos, Igor reagiu negativamente. O influenciador tentou impedir a ação dos agentes, ensaiou uma fuga com a criança e foi necessário chamarmos a Polícia Militar para auxiliar na operação. Ele chegou a pegar pertences da Sofia que já estavam recolhidos, a mala da criança e da mãe já estavam prontas” explicou Grazielle.

Vídeos com xingamentos

Em um dos vídeos investigados, Igor chama a filha de inútil após pedir que ela vá ao mercado. Essa foi uma das frases que viralizaram e chegaram até a Polícia Civil de Goiás, que também recebeu denúncias de que a menina não estaria sendo bem cuidada. A advogada Aline Lopes informou que a investigação começou neste mês, e que Igor é suspeito de maus-tratos, estelionato, desvio de proventos de pessoa com deficiência e por causar constrangimento à criança.

Além de Igor, a mãe da criança também é investigada por desviar o dinheiro recebido para a menina.

“Na tentativa de convencer os conselheiros de que poderia ficar com a criança, ele usou “artimanhas de influenciador” para tentar impedir nosso trabalho. Nos desrespeitou, foi cínico e irônico. Ele chegou ao ponto de imitar a criança com gestos e caretas. Os policiais chegaram e ele continuou fazendo graça, fazendo piada dessa situação tão grave e lamentável. A PM nos acompanhou até a casa da avó onde entregamos a criança”.

Desvio de doações

“Ambos trabalham com a internet, mas a principal fonte de renda deles vem das doações que a menina recebe. Estamos apurando se houve desvio de dinheiro e se ele foi utilizado para algo que não seja o sustento e os tratamentos da menina”, descreveu a delegada.

Questionado sobre o suposto desvio de dinheiro, Igor alegou que não cometeu um crime. Segundo ele, a filha não tem PIX e o dinheiro era enviado para a conta dele, sendo assim, ele não seria obrigado a gastar apenas com a menina.

“Minha filha não tem PIX, então se eles foram trouxas, a culpa não é minha. Eu não sou obrigado a usar o dinheiro que eles mandam especificamente com a minha filha. Eu também tenho necessidade de serem supridas. Também sou um ser humano”, falou Igor em um dos áudios descobertos na investigação.

Sobre os vídeos ironizando a filha, Igor alegou que a criança “é chata” e que já deu muito trabalho para ele. Ainda ao g1, o influenciador disse que sua vontade às vezes “é de largar na porta do orfanato”, referindo-se à filha.

“Eu não imaginava que uma criança que tem 10% do cérebro funcionando fosse tão chata e pudesse me dar tanto problema. A vontade, às vezes, é de largar na porta do orfanato e deixar alguém se virar, alguém tomar conta”, finalizou. O caso começou a ser investigado, após denúncias de que a menina não estaria sendo bem cuidada.

Igor e a mulher estão separados e não disputam judicialmente pela guarda da menina, já que o combinado entre os dois é de que a menina moraria com o pai. Os pais de Igor, que agora cuidam da menina, ficaram em choque no momento em que foram contatados pelo Conselho Tutelar e contaram que Igor havia proibido o contato dos avós com a menina.

“Os avós reagiram com muita tristeza, choraram muito. Já estavam há uma semana sem contato com a criança porque eles não aceitavam a maneira como o filho, Igor, e a ex-nora, tratavam a criança. Os avós estão orientados e continuam sendo acompanhados por nós. Tudo que pode ser feito por ela, estamos fazendo: visitas diárias, encaminhamentos para médicos, fisioterapia” relatou a conselheira.

Leia também


Participe dos canais da Itatiaia:

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte (UniBH), já trabalhou na Record TV e na Rede Minas. Atualmente é repórter multimídia e apresenta o ‘Tá Sabendo’ no Instagram da Itatiaia.
Leia mais