Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Escola, lugar de encontro

15 de março é o Dia da Escola, instituição fundamental para promover o desenvolvimento das crianças, adolescentes, jovens e adultos brasileiros

O que é a escola? Na primeira vez que uma criança vai à escola, muitas vezes, não compreende bem o que é aquele lugar e os porquês de estar ali. Em geral, vai levada pela mãe, pai, irmão, avó, tia, prima ou outro familiar que sabe da importância dessa instituição para a vida de cada um de nós. Daquele primeiro dia de escola, na creche ou na educação infantil, até o final da trajetória escolar – que desejamos que seja após a conclusão do Ensino Médio –, passamos por muitas experiências. Quero destacar uma delas: escola é lugar de encontro!

O primeiro tipo de encontro que fazemos na escola é com o conhecimento. Vamos à escola para aprender, para ampliar nossos saberes. Não por acaso, a escola se organiza em torno de áreas de conhecimento e suas disciplinas, de modo a possibilitar a aprendizagem de uma gama vasta de assuntos: matemática, português, história, ciências, educação física, artes, geografia e por aí vai.

Mas a escola é lugar, também, para o estudante fazer um encontro consigo mesmo. A cada dia, nas aulas, nas atividades culturais e esportivas, nos vários projetos escolares, passamos a conhecer melhor nossas características, interesses, desejos, sonhos, qualidades, limites. Nesse percurso, construímos respostas a uma pergunta importante: quem somos?

E não estamos isolados, nem no mundo e nem na escola. O terceiro encontro importante que a escola promove é com as outras pessoas. Somos seres sociais e a escola é fundamental para que possamos perceber e experimentar isso. Na escola, encontramos professores, outros alunos, as famílias, e todos os profissionais que lá estão. Daí o termo comunidade escolar, para dar nome ao aspecto coletivo da escola. Nesse encontro com o outro, nos fortalecemos como pessoas e como seres sociais que somos.

Por fim, quero dizer do encontro que fazemos com o tempo presente e futuro. Tudo aquilo que vivemos hoje, no espaço escolar, tem valor no presente, é importante para o agora. E, claro, é o que nos levará adiante, sendo uma base que possibilitará construir um futuro com mais sentido e relevância.

É tempo de celebrar a escola e seus múltiplos encontros!

Paulo Emílio Andrade é presidente do Instituto iungo, organização sem fins lucrativos que tem o propósito de transformar, com os professores, a educação no Brasil. É, também, professor da PUC Minas e pesquisador do Núcleo de Novas Arquiteturas Pedagógicas da USP.

Leia também

Participe dos canais da Itatiaia:

Paulo Emílio Andrade é presidente do Instituto Iungo, organização sem fins lucrativos que tem o propósito de transformar, com os professores, a educação no Brasil. É, também, professor da PUC Minas e pesquisador do Núcleo de Novas Arquiteturas Pedagógicas da USP.
Leia mais