Ouvindo...

Times

Enem 2023: saiba o que estudar para a prova de matemática

Professor de matemática dá dicas sobre como fazer a prova do Enem e conteúdos mais frequentes

O segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) se aproxima: agora, é o momento em que alguns candidatos começam a ficar inseguros sobre o que precisam revisar para a prova. No próximo domingo (12), os inscritos deverão responder 45 questões de Matemática e 45 de Ciências da Natureza (Química, Biologia e Física). Para auxiliar os corações aflitos dos estudantes, a Itatiaia pediu dicas para o professor de Matemática da Rede Chromos de ensino, Marlon Silva.

O profissional recomenda que nos dias que antecedem a prova os candidatos mantenham a calma e continuem estudando no ritmo que eles construíram durante o ano. Silva explica que esse é o momento que os candidatos devem confiar no que já estudaram. “Continuem estudando no nível revisional. Pegando os conteúdos importantes, analisando as últimas provas e aqueles conteúdos que têm mais cobrança. Não devem intensificar muito o ritmo”, recomenda.

O que revisar para prova de Matemática do Enem 2023?

Para revisar, Silva recomendou que os alunos deem uma olhada nos seguintes conteúdos:

  • Operações de matemática básica: divisão, multiplicação, soma, subtração, potenciação e radiciação.

  • Estatística: leitura de gráficos, interpretação de quadros e tabelas

  • Geometria espacial

  • Geometria Plana

  • Funções do primeiro e segundo grau

  • Probabilidade

  • Análise Combinatória

  • Trigonometria

Quais fórmulas de Matemática caem no Enem 2023?

  • Transformação de Unidade de Medida

  • Áreas de figuras planas (triangulo, quadrado e retângulo)

  • Fórmulas de volumes dos sólidos (paralelepípedo, cubo, pirâmide, esfera, cone e cilindro)

  • Funções do primeiro e do segundo grau

  • Fórmulas de Análise Combinatória (arranjo e combinação)

Estratégias para fazer a prova de Matemática

O professor explica que no Enem é importante que os alunos saibam identificar quais são as questões fáceis, médias e difíceis. Ele esclarece que para resolver a prova, os candidatos devem priorizar as questões de menor nível de dificuldade porque o exame calcula a nota de acordo com a Teoria da Resposta ao Item (TRI). O exame confere uma maior pontuação para as questões mais fáceis.

“A TRI (Teoria de Resposta ao Item) quer saber se o aluno mantém a coerência. Se ele acertar as questões que são tranquilas, depois, ele vai encontrar uma dificuldade maior naquelas questões difíceis”, explicou.


Guia do Enem 2023

Posso levar lápis e borracha no Enem?

Pode ir de bermuda no Enem?

Saiba em que situações candidatos podem solicitar reaplicação do Enem

Enem 2023: taxa de abstenção no primeiro dia de provas é de 28,1%

Ana Luisa Sales é estudante de jornalismo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Na Itatiaia desde 2022, já passou por empresas como ArcelorMittal e Record TV Minas. Atualmente escreve para as editorias entretenimento, curiosidades e cidades.
Leia mais