Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Campeão olímpico recusa convocação à Seleção Brasileira; entenda motivo

Douglas Souza, acertado com o Sada Cruzeiro, publicou mensagem em rede social

O ponteiro Douglas Souza, de 28 anos, recusou a convocação à Seleção Brasileira. O jogador foi às redes sociais pouco depois da publicação da lista para explicar os motivos da negativa ao técnico Bernardinho.

“Há pouco foi divulgada a noticia da minha convocação para a seleção brasileira. Quero informar que a minha decisão de não voltar para a Seleção já havia sido tomada desde os jogos olímpicos de Tóquio e não mudou. Eu já havia informado a CBV desta decisão. Sou imensamente grato a todos que torcem por mim e me apoiaram neste tempo que estive com a nossa Seleção”, publicou.

Nesta segunda-feira (15), o técnico Bernardinho convocou 12 atletas e mais dois convidados para um período de testes em Saquarema, interior do Rio de Janeiro. A Liga das Nações é a única competição internacional antes dos Jogos Olímpicos de Paris. Na lista, estão os atletas que tiveram a participação na Superliga encerrada.

Douglas Souza anunciou aposentadoria da Seleção em março de 2022. O atleta afirmou, à época, que precisava de tempo para cuidar da saúde mental. Segundo Douglas, o ritmo de jogos por clube e Seleção o levou a ter depressão.

Douglas fez parte da Seleção entre 2016 até 2022. No período, foi campeão olímpico (Rio-2016), da Copa do Mundo (2019), Copa dos Campeões (2017) e Liga das Nações (2021). Além disso, foi prata no Mundial (2018), Jogos Pan-Americanos (Toronto-2015) e da Liga Mundial (2016).

Leia também

Douglas Souza, que defendeu o Farma Conde/São José na atual temporada, vai mudar de clube. Segundo apurou a Itatiaia, o jogador acertou a transferência para o Sada Cruzeiro.

Veja texto de Douglas Souza na íntegra

Boa noite pessoal. Há pouco foi divulgada a noticia da minha convocação para a Seleção Brasileira. Quero informar que a minha decisão de não voltar para a Seleção já havia sido tomada desde os Jogos Olímpicos de Tóquio e não mudou. Eu já havia informado a CBV desta decisão. Sou imensamente grato a todos que torcem por mim e me apoiaram neste tempo que estive com a nossa Seleção. Agradeço aos meus treinadores e companheiros de Seleção por este tempo em que estivemos juntos e conquistamos tantas vitórias mas meu ciclo com a camisa da Seleção já foi encerrado. Sigo agora somente com meu clube e desejando muito sucesso para a Seleção Brasileira de Vôlei.


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Leonardo Parrela é repórter multimídia na área de esportes na Itatiaia. É formado em Jornalismo pela PUC Minas. Antes da Itatiaia, colaborou com Globo Esporte, UOL Esporte e Hoje Em Dia, onde cobriu Copa do Mundo, Olimpíada e grandes eventos.
Leia mais