Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Bruno Guimarães revela que Endrick chegou um pouco tímido à Seleção

Atacante do Palmeiras, de 17 anos, foi convocado pela primeira vez e já treina com companheiros na Granja Comary para jogos das Eliminatórias

Bruno Guimarães aos 25 anos, quase 26 (faz aniversário nesta próxima quinta-feira), já tem uma Copa do Mundo, a de 2022, no Catar, no currículo. E foi um dos veteranos a receber o jovem Endrick, 17 anos, revelação do Palmeiras que foi convocado à Seleção Brasileira principal pela primeira vez.

E que, naturalmente, chegou um pouco tímido à Granja Comary, o centro de treinamento da CBF em Teresópolis, na região serrana do Rio. O Brasil enfrentará nesta quinta-feira (26) a Colômbia, em Barranquilla, às 21h (de Brasília), pela quinta rodada das Eliminatórias para a Copa de 2026. Na terça que vem (21) o rival será a Argentina, às 21h30 (de Brasília),no Maracanã, no Rio, pela sexta rodada.

“Ele [Endrick] chegou um pouco tímido, mas normal, é a primeira vez. Ele conhece alguns jogadores, mas estamos ali tentando chamar para conversar, trocar ideia. Ele vai se sentir bem aqui, vai ser abraçado por todos”, disse o volante do Newcastle, da Inglaterra.

Endrick foi convocado ao lado do meia Raphael Veiga, seu companheiro de Palmeiras. O jovem atacante já disse em algumas entrevista que Veiga é um de seus grandes amigos no elenco palmeirense, e que foi um atleta que o ajudou em momento difícil que passou na temporada, quando estava sendo pouco aproveitado pelo técnico Abel Ferreira.

Nas fotos divulgadas pela CBF, Endrick também foi visto ao lado de Vinícius Jr. e Rodrygo, que serão a partir de meados de 2024 seus companheiros no Real Madrid. O atacante já está vendido ao clube espanhol, e viajará à Europa quando completar 18 anos, em julho do ano que vem.

"É um talento enorme que estamos vendo nascer, um grande jogador”, disse Bruno Guimarães.

Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais