Ouça a rádio

Ouvindo...

Times

Abel diz que Palmeiras é campeão justo do Brasileiro e valoriza resiliência do elenco

Técnico português chegou ao nono título pelo Verdão em ano que já era considerado como “perdido” após eliminações

Abel diz que Palmeiras é campeão justo do Brasileiro e valoriza resiliência do elenco

Abel comemora título com elenco do Palmeiras no gramado do Mineirão

Leonardo Gimenez/Itatiaia

O Palmeiras conquistou o Campeonato Brasileiro de 2023, levantou o troféu da competição e chegou ao nono título sob o comando de Abel Ferreira. Após o empate contra o Cruzeiro, o técnico comentou sobre a arrancada final que permitiu o time superar o Botafogo.

Após eliminações na Copa do Brasil e na Copa Libertadores, o ano do Palmeiras se encaminhava para um final triste com 14 pontos de distância para o então líder Botafogo. O Verdão superou a desvantagem, encontrou nova forma de jogar com Abel Ferreira e os três zagueiros, e na 34ª rodada, assumiu a liderança do Brasileirão.

“Não posso falar só da arrancada final, os pontos que fizemos nas primeiras jornadas foram fundamentais também. São pontos corridos, é uma competição de consistência, de resiliência, é uma maratona. Nesta competição ganhou a equipe que foi capaz de lidar melhor com os momentos de dificuldade. Nunca desistimos”, disse.

“Tínhamos dois objetivos: o resultado, de lutar pelo título até o fim e o nosso orgulho, nosso caráter, de uma equipe que ganha títulos de forma consistente. Não poderíamos esquecer, muitos tentaram esquecer disso”, lembrou Abel Ferreira em coletiva no Mineirão, em Belo Horizonte.

O dodecacampeonato veio de maneira improvável. Não à toa, o Palmeiras tem chamado a conquista nas redes sociais de “A Virada Heróica”.

“Falei para os meus jogadores para se colocarem no lugar do elenco do Botafogo, a pressão que não estavam sofrendo, quanto os treinadores não sofreram, os torcedores sofreram, mas a competição é assim mesmo. Fomos a equipe mais capaz, mais preparada para lidar com as adversidades, quem sabe não foi a derrota da Libertadores que nos permitiu mais tempo para se preparar, recuperar, foi muito duro, mas nos preparou para o que vinha. Nos deu força para competir até o fim e digam o que disserem, somos os vencedores justos”, comemorou Abel.

Abel terminou a quarta temporada consecutiva sob o comando do Palmeiras. O contrato do treinador tem duração até o final do mandato da presidente Leila Pereira, dia 31 de dezembro de 2024.

O Palmeiras entra de férias após as comemorações do título nesta quinta-feira (7), e se reapresenta na primeira semana de janeiro de 2024, já mirando a disputa do Campeonato Paulista que se inicia dia 17 do primeiro mês.

Jornalista fascinado por futebol de base e análise de desempenho. Faz a cobertura de São Paulo e Palmeiras na Itatiaia após passagens por ESPN, Globoesporte.com e Band.
Leia mais