Ouvindo...

Times

Corinthians vence América-RN e confirma vaga nas oitavas da Copa do Brasil

Timão teve atuação modesta e usou vantagem construída na ida ao seu favor

O Corinthians venceu o América-RN por 2 a 1 e conseguiu confirmar sua classificação às oitavas de final da Copa do Brasil. A partida foi disputada nesta quarta-feira (22), na Neo Química Arena, e sucedeu a vitória do Timão por 2 a 1 no jogo de ida.

Pela vantagem curta construída pelo Corinthians no jogo de ida, de apenas um gol, a partida reservou emoções até os minutos finais. Embora tenha aberto o placar com Yuri Alberto no primeiro tempo, o Timão sofreu o tento de empate logo no começo do segundo tempo. Aos 45', no entanto, Cacá balançou a rede e deu números finais ao jogo.

O adversário do Corinthians nas oitavas de final da Copa do Brasil será definido em sorteio, ainda sem data confirmada pela CBF. Nesta fase da competição, os confrontos são definidos sem divisão de potes, aumentando as possibilidades.

O próximo jogo do Corinthians será na próxima terça-feira (28), contra o Racing, do Uruguai, pela Copa Sul-Americana.

Homenagem

No duelo contra o América (RN), nesta quarta-feira (22), pela Copa do Brasil, o lateral-direito Fagner, do Corinthians, prestou homenagem ao goleiro Cássio, ex-Timão, anunciado nesta semana como reforço do Cruzeiro. Como um tributo ao camisa 12, o defensor do clube paulista utilizará nas costas o número que consagrou o histórico goleiro alvinegro.

A novidade foi confirmada pelo Corinthians nas redes sociais poucas horas antes da bola rolar no estádio corintiano. Será a ação que coroará as homenagens do clube ao goleiro, que se despediu do Timão no último sábado (18), para acertar com o Cruzeiro.

Marca do artilheiro

O centroavante clássico sempre leva perigo quando recebe oportunidades próximas à meta adversária. E foi justamente em um lance atípico que Yuri Alberto, camisa 9 do Timão, colocou sua equipe à frente no placar.

A jogada se iniciou com bela triangulação entre Breno Bidon, Garro e Wesley. O atacante tentou lance individual, mas viu a bola ser interceptada pela defesa adversária. No perde ganha, Bidon recuperou a posse e cruzou para Yuri Alberto fuzilar e colocar o Timão à frente.

Sem chances!

Acomodado com a vantagem, o Corinthians voltou para o segundo tempo dando mostras de um time distraído. Não à toa, com dois minutos, o time potiguar chegou a ficar cara a cara com Carlos Miguel, que fez boa intervenção.

Mas, na oportunidade seguinte, o goleiro do Timão nada pôde fazer. Após bola rebatida para a entrada da área, Wenderson pegou de primeira, com a bola no ar, e mandou no ângulo. Um golaço do América para igualar a partida na Neo Química Arena.

Leia também

Os dois 10’s

No decorrer da partida, o técnico António Oliveira cumpriu com um recorrente desejo da torcida do Corinthians. O treinador permitiu mais minutos para os meias Igor Coronado e Rodrigo Garro atuando como uma dupla de articuladores do meio alvinegro.

Ambos atuaram centralizados, seguindo suas características de ofício. Nas outras vezes que atuaram juntos, Coronado atuou aberto pelo lado direito, na posição ocupada por Gustavo Mosquito e Ángel Romero diante do América.

No finalzinho!

Quando o América esboçou que poderia levar o jogo aos pênaltis, o Corinthians deu fim às esperanças do adversário. Já nos acréscimos, o zagueiro Cacá, que já havia marcado no duelo de ida, anotou o segundo tento do Timão.

A jogada se iniciou com interceptação de Raniele pelo lado esquerdo do ataque alvinegro. O volante conduziu para a linha de fundo e cruzou rasteiro para Cacá, que bateu com desvio e marcou o gol da vitória corintiana em Itaquera.

Corinthians 2x1 América (RN)

Corinthians

Carlos Miguel; Fagner, Félix Torres, Cacá e Hugo; Raniele, Breno Bidon (Igor Coronado) e Rodrigo Garro; Romero (Gustavo Silva), Wesley e Yuri Alberto (Pedro Raul). Técnico: António Oliveira

América

Renan; Marcos Ytalo, Salazar, Alan Ferreira, Hygor Ribeiro (Ferrugem) e Marquinhos; Matheus Ferreira (Guilherme Guedes), Souza, Norberto (Rafinha) e Wenderson; Gustavo Henrique. Técnico: Marquinhos Santos

Motivo: jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil
Data e horário: 22 de maio de 2024 (quarta-feira), às 20h (de Brasília)
Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Árbitro: Lucas Paulo Torezin
Auxiliares: Victor Hugo Imazu dos Santos e Rafael Trombeta
VAR: Rodrigo Nunes de Sa (VAR-FIFA)
Gols: Yuri Alberto (42 min 1ºT) e Cacá (45 min 2ºT), para o Corinthians; Wenderson (6 min 2ºT), para o América
Cartões amarelos: Wenderson, do América


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Responsável por acompanhar o dia a dia de Corinthians e Santos pela Itatiaia Esporte. Passagem também como repórter do portal Meu Timão
Leia mais