Ouvindo...

Times

‘Novo’ Vasco e ‘velho’ Fortaleza decidem vaga para as oitavas de final da Copa do Brasil

Equipes medem forças nesta terça-feira (21), às 21h30 (de Brasília), em São Januário, em situações totalmente opostas em relação ao time e comando

Vasco e Fortaleza medem forças nesta terça-feira (21), às 21h30 (de Brasília), em São Januário, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, em momentos muito diferentes. Enquanto o Cruzmaltino está sob os olhares do novo técnico, o Leão tem um dos mais longevos da história do clube no banco de reservas.

No primeiro duelo entre as equipes, empate sem gols no Castelão. Com isso, quem vencer o duelo avança de fase, enquanto um novo empate leva a decisão para a disputa de pênaltis.

Álvaro Pacheco será o novo treinador do Vasco. Ele já chegou ao Brasil, mas ainda não ficará na beira do campo. Ainda sem documentação, o poirtuguê vai observar de perto os seus novos comandos com Rafael Paiva, interino, ainda na beira do campo.

Do outro lado, um Fortaleza que se tornou torcedor tem decorado a forma de jogar. Afinal, quem está no banco comandando essa brilhante fase do Leão é Juan Pablo Vojvoda, o segundo técnico com mais jogos no comando do clube: são 230.

O primeiro no quesito é Moésio Gomes, que comandou o clube na década de 70. No entanto, o argentino precisa somente de mais três jogos para tornar o treinador que mais vezes treinou, em jogos oficiais, o Fortaleza.

Leia também

Em campo, o Fortaleza não vive sua melhor temporada, mas vem de um empate em plena La Bombonera, diante do Boca Juniors-ARG, se mantendo na liderança de seu grupo na Copa Sul-Americana. No Brasleiro, são sete pontos em cinco jogos.

O Vasco perdeu quatro partidas consecutivas e voltou a vencer, já com Paiva no comando, no último duelo contra o Vitória. Em seis jogos, o Cruzmaltino tem seis pontos. Apenas a Copa do Brasil e a Série S são os torneios disputados pelo Vasco.

Como chegam para o duelo

O Vasco ainda não conta com Paulinho e Jair, que seguem no departamento médico se recuperando de uma grave lesão. Adson que era dúvida voltou a treinar com bola e pode ser relacionado por Rafael Paiva.

A tendência é que o técnico utilize novamente João Victor na lateral, formando um time com três defensores, quando está sendo atacado. Sforza, Mateus Carvalho e Galdames brigam por posição no time titular ao lado de Payet, no meio de campo.

Para enfrentar o Vasco, Vojvoda não terá o zagueiro Brítez, o volante Lucas Sasha e o meia Calebe, todos no departamento médico. O atacante Renato Kayzer já jogou na Copa do Brasil pelo Criciúma, clube para o qual estava emprestado, e não pode ser relacionado.

A tendência é que o volante Pedro Augusto comece jogando, alternando posição como um terceiro zagueiro em alguns momentos. No ataque, Marinho, que entrou bem contra o Boca Juniors, no 1 a 1 da semana passada pela Copa Sul-Americana, pode ter nova oportunidade entre os titulares.

Vasco x Fortaleza

Vasco

Léo Jardim, João Victor, Maicon, Léo e Lucas Piton; Sforza (Mateus Carvalho), Galdames (Sforza) e Payet,; Rossi, David e Vegetti. Técnico: Rafael Paiva.

Fortaleza

João Ricardo; Tinga, Kuscevic, Titi e Bruno Pacheco; Pedro Augusto, Hércules e Pochettino; Yago Pikachu, Lucero e Marinho. Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Motivo: Jogo de volta da 3ª fase da Copa do Brasil
Local: São Januário, Rio de Janeiro
Data e hora: 21 de maio de 2024, às 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/DF)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa/SP) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Arbitro de vídeo: Wagner Reway (Fifa/PB)

Transmissão
Sportv e Premiere


Participe dos canais do Itatiaia Esporte:

Jornalista esportivo desde 2006 e com passagens por Lance!, Extra e assessorias de marketing esportivo. É correspondente da Itatiaia no Rio de Janeiro. Tem pós-graduação em Jornalismo Esportivo e formação em Análise de Desempenho voltado para mercado.
Formado em jornalismo pela PUC-Campinas em 2000, trabalhou como repórter e editor no Diário Lance, como repórter no GE.com, Jornal da Tarde (Estadão), Portal IG, como repórter e colunista (Painel FC) na Folha de S. Paulo e manteve uma coluna no portal UOL. Cobriu in loco três Copas do Mundo, quatro Copas América, uma Olimpíada, Pan-Americano, Copa das Confederações, Mundial de Clubes, Eliminatórias e finais de diversos campeonatos.
Leia mais