Ouvindo...

Times

Ex-Globo, Faustão revela por que escolheu conceder primeira entrevista após transplante de coração à Record

Apresentador recebeu um coração transplantado em cirurgia realizada no fim de agosto

Fausto Silva recebeu a repórter Fabíola Reipert em casa para a primeira entrevista após o transplante de coração realizado no fim de agosto. Um trecho da conversa foi exibido durante o “Balanço Geral” desta sexta-feira (6).

O apresentador revelou que “já sabia” que um dia precisaria “cair nas mãos” do cardiologista Fábio Antônio Gaiotto para uma cirurgia no coração. “Eu sabia que ia ter isso, mas fui levando com maior estratégia do professor Fernando Bacal [também cardiologista] até o momento certo para fazer essa cirurgia.”

Por que Faustão concedeu entrevista à Record?

Faustão ainda revelou que escolheu conceder a primeira entrevista à Record não só pelas “ligações” com Fabíola, mas por um “carinho especial” com a emissora. A comunicadora é filha de Guilherme Amaral, também jornalista, que morreu em 2019 e foi amigo de Fausto Silva.

“A verdade é o seguinte: eu sempre tive pela Record um carinho especial. Foi lá que eu comecei em 1969 e eu tive anos maravilhosos da minha vida na Record, tanto que fui convidado para a festa dos 70 anos”, destacou o apresentador, que também citou outros profissionais com quem já trabalhou na emissora.

A entrevista completa de Faustão para Fabíola Reipert será exibida no “Domingo Espetacular”, programa que vai ao ar a partir das 19h45 de domingo (8). Na gravação, o apresentador dá mais detalhes sobre a experiência do transplante e revela se sentiu “medo do pior” ao receber a notícia de que precisaria do transplante.

Maria Clara Lacerda é jornalista formada pela PUC Minas e apaixonada por contar histórias. Na Rádio de Minas desde 2021, é repórter de entretenimento, com foco em cultura pop e gastronomia.


Leia mais